30/11/2011

Resenha: O Entregador de Bonecos

Título: O Entregador de Bonecos
Autor: Denis Lenzi
Editora: Perse
Páginas: 295
"Chegou a hora de acreditar em mim, quer você goste ou não. E, quando tudo acontecer, não sinta medo. O que irá ver é real, e não fruto de sua imaginação. "Eles" querem que você os leve para as crianças. Saberá onde encontrá-las. Os bonecos vão lhe mostrar. Confie neles. São seus amigos. Criei-os com todo amor, muito mais do que você pode imaginar. Se os bonecos pedirem sua ajuda, não recuse. Compartilhe-a com eles." Depois do estranho pedido feito por sua avó, pouco antes de morrer, David Forlin, agora sozinho no mundo, se vê diante de uma importante missão. Custasse o que custasse, cumpriria a promessa feita à avó: entregar os cinco últimos bonecos criados por ela às crianças eleitas, que viviam em diferentes estados da América do Norte. Nesta longa e obscura jornada de David, sempre acompanhado pelas lembranças de sua vida e de seu grande amor, ele tem a oportunidade de, na breve convivência com cada uma das crianças escolhidas para receber os bonecos, emocionar-se com elas e aconselhá-las, chamando sua atenção para os verdadeiros valores humanos e para o poder do amor, da fé, da esperança e do sonho. Uma verdadeira lição de vida. Por outro lado, nosso protagonista experimentará, também, momentos de perigos inimagináveis, que conspirarão contra a sua sorte. Esses episódios irão defrontá-lo com cenas de violência, tragédia e morte, onde parecerá incerto tudo o que o destino que lhe reservou. Em resumo, a história de David Forlin conduzirá o leitor a um mundo de aventuras, magia e suspense, convidando-o a participar de sua jornada, que, ao modificar...

 O livro conta a história de David Forlin, um jovem que após a morte dos pais, vai morar com a avó. Dona Elena Forlin faz bonecos e sempre conta a história de sobre como os bonecos são mágicos. Porém, David, por ter crescido e perdido sua inocência, não acredita nas “maluquices da avó”. Em seu leito de morte, a avó de David faz um pedido muito especial a ele: que ele entregue cinco bonecos a crianças eleitas.

Por ser o último pedido da avó, David embarca nessa jornada. Nessa viagem, David conheceu várias pessoas, ajudou crianças a passarem por momentos difíceis em suas vidas, e isso fez com que o próprio David evoluísse de uma maneira incrível ao longo de toda a história, pois uma vez que ele percebe que os bonecos realmente são mágicos, ele começa a notar certos comportamentos errados na sua personalidade e em todo o mundo, o que o faz refletir e melhorar a sua própria vida e personalidade.

"Fiquei triste por muito tempo, mas agora não estou mais. David me ajudou muito. Ele me fez ver o quanto a vida é importante e que precisamos aproveitar cada minuto dela. E eu tenho ainda tantas coisas para aproveitar na vida, não é? Olha, milagre existe, sabia? E o maior milagre é a vida. David me falou sobre isso. Você também pode viver um milagre. Se eu consigo, você consegue também."

Eu, sinceramente, me emocionei em diversas partes do livro. Chorei com algumas situações que me traziam certas recordações. A cada criança que ele ajudava, fazia eu refletir sobre a minha própria vida. Me fazia pensar: será que eu estou fazendo isso certo? Será que estou tomando as melhores decisões?

O livro me lembrou muito Eu Sou O Mensageiro, do Markus Zusak (resenha aqui). Me apaixonei pela evolução do personagem, e a cada vez que ele demonstrava o que pensava, sentia ou seus questionamentos, parecia que o autor estava me descrevendo e não ao personagem.

A evolução não foi só do personagem, foi minha também. A mensagem principal do livro é que as crianças crescem e com isso, acabam perdendo a inocência, que é o que torna o mundo muito melhor, pois uma vez que você não vê maldade e carrega todos os sentimentos bons com você, o mundo ao seu redor vai mudando também. Mas com toda a maldade, ódio, injustiça que existe no mundo, é praticamente impossível não perdê-la, mas devemos mantê-la viva em nossos corações. Então, eu percebi que eu também estou perdendo essa minha inocência. O livro veio em um ótimo momento da minha vida.


"A vida nos ensina até o último de nossos dias. De nada adiantará se lamentar, chorar, lamuriar-se ou fazer asneiras por causa do seu problema. Não mesmo. O inconformismo faz mal. Por mais difícil que seja a nossa jornada neste planeta, há sempre algo bom a ser descoberto. Quando menos esperamos, nos surpreendemos com alguma coisa que nunca percebemos antes."

Sobre os aspectos do livro, ele é em terceira pessoa, mas é narrado de uma forma tão incrível que faz com que você se conecte com a história de um jeito inexplicável. A história conta a jornada de David com os bonecos e também certos fatos da vida dele que são grande parte da essência do livro.

O livro é recomendadíssimo. É uma história incrível e que vale a pena ser lida e que vai emocionar a todos que vão lê-la.


27/11/2011

Novas parcerias!

Olá leitores! E o final de semana? Foi produtivo? Espero que tenha sido!
Hoje venho contar pra vocês uma super novidade: novas parcerias! Confiram:


Muito prazer!
Somos a Editora Novo Conceito.
Somos jovens, estamos em constante movimentação e temos o mercado editorial em nosso DNA.
Temos paixão por livros e queremos de forma crescente imprimir nossa marca e construir uma nova cultura editorial no Brasil, ampliando o público leitor brasileiro, com temas e assuntos atuais.
Fundada em 2004, a Editora Novo Conceito desenvolve publicações de qualidade, afinadas com os acontecimentos do mundo globalizado. Com temas atuais, lançamentos internacionais e nacionais, vem apontando tendências nas áreas de negócios, empreendedorismo, literatura, comportamento, atualidades, biografias, medicina e saúde, que contribuem há vários anos para a formação de profissionais, para a pesquisa científica e a cultura em geral.
Primeiro fruto da experiência da Tec Holding, a Editora Novo Conceito cresce a passos largos, agradando cada vez mais um público amplo, exigente e diversificado.

Para maiores informações, acesse o o site da Editora:




Fundada na década de 1970 por Martin Claret – um gaúcho, empresário, editor e jornalista -, inicialmente só seriam publicadas as obras do filósofo e educador brasileiro Huberto Rohden.

Hoje, a editora conta com mais de 500 títulos em catálogo, que abrangem a literatura universal, a filosofia, direito, política, sociologia e religião.


Os Objetivos
 O principal Objetivo da Martin Claret é continuar a desenvolver uma grande e poderosa empresa editorial brasileira, para melhor servir a seus leitores.


A Filosofia
 A Filosofia de trabalho da Martin Claret consiste em criar, inovar, produzir e distribuir, sinergicamente, livros da melhor qualidade editorial e gráfica, para o maior número de leitores e por um preço economicamente acessível.


Missão
  A Missão da Martin Claret é conscientizar e motivar as pessoas a desenvolver e utilizar o seu pleno potencial espiritual, mental, emocional e social.

A Martin Claret está empenhada em contribuir para a difusão da educação e da cultura, por meio da democratização do livro, usando todos os canais ortodoxos e heterodoxos de comercialização.
A Martin Claret, em sua missão empresarial, acredita na verdadeira função do livro: o livro muda as pessoas. 
A Editora Martin Claret, em sua vocação educacional, deseja, por meio do livro, claretizar, otimizar e iluminar, a vida das pessoas.

Para maiores informações, acesse o o site da Editora:

25/11/2011

Entrevista: Gisele Carmona

Olá leitores! Eu fiz uma entrevista com a nossa parceira Gisele Carmona na semana passada e hoje vou postar aqui para que vocês vejam um pouquinho do quanto é simpática, boa pessoa e tudo o que há de bom! :) 
Não se esqueçam que está rolando um sorteio do livro da Gisele, Nas Trevas e Na Luz - Volume I.

  1. Olá Gisele! Para começar, conte um pouco mais sobre o seu livro.
O meu livro foi resultado de um sonho. Aliás, assim como a maioria dos meus textos. Sou uma pessoa tão agitada que não consigo sossegar nem dormindo, rs.
Juntei os pedaços do sonho com coisas da nossa realidade, como a necessidade de proteger o nosso planeta antes que seja tarde.

  1. O título do seu livro desperta interesse em várias pessoas. O que te levou a esse título?

Eu costumo deixar o nome da obra para o final, assim eu já tenho uma ideia do resultado e do que poderá combinar com o texto.
O nome desse livro faz referência a uma das últimas frases ditas nele (Opa! Já estão curiosos? rs).


23/11/2011

Resenha: Ainda Não Te Disse Nada

Título: Ainda Não Te Disse Nada
Autor: Maurício Gomyde 
Editora: Porto 71
Páginas: 236
 "Ninguém mais escreve cartas hoje em dia", Marina pensava. Até que um dia uma caiu em suas mãos por engano e mudou o rumo de sua vida. Levou-a ao lugar que ela sempre sonhou. E a conhecer o amor do jeito que nunca imaginou, da forma mais improvável do mundo...


O livro conta a história de Marina, uma menina vinda do interior que queria ser uma estilista famosa. Ela se muda para São Paulo, onde é funcionária dos Correios e cursa a faculdade de moda.

Em um mundo onde as mensagens instantâneas estão cada vez mais presentes no nosso cotidiano, as cartas estão praticamente extintas. É por isso que Marina fica intrigada com Julia, uma moça que sempre vai ao Correio postar cartas.

“- Ah, tudo na vida é um perde e ganha, vai. Não me imagino escrevendo carta a mão. O tempo é muito precioso hoje em dia. O verbo da evolução é “digitar”, não “escrever”. Digito e pá! – ela socou a palma da mão. – Mando e a pessoa recebe, na hora.  
- Tá, evolução… Pra mim, isso é o fim dos tempos!”

Ao decorrer da história, Júlia acaba falecendo e uma das cartas que seria endereçada à ela, acaba parando nas mãos de Marina.

Com isso, Marina descobre que Julia tinha um negócio chamado “Anjo Carteiro”. Ela era contratada por pessoas para escrever cartas se fingindo por desconhecidos, o que era negociado no momento de assinar o contrato.

“Largou o lápis, tomou a carta nas mãos. Muitas perguntas vieram à tona: Será que a pessoa sabe que a Julia morreu? Pode ter alguma informação relevante e que deve ser passada a algum parente? Posso conferir? Isso é violação de sigilo de correspondência? Vou ser processada?”

Marina acaba dando continuidade a esse trabalho de Júlia, e, o que era pra ser uma coisa inocente, acaba levando Marina a lugares que ela não poderia imaginar...

O livro é incrível. É um daqueles livros que você pega para ler e só para quando não tem mais páginas para ler. Isso aconteceu comigo. Terminei em questão de horas. A minha identificação com a personagem foi intensa, parecia que o autor estava me descrevendo.

“Não fazes ideia da forma avassaladora que tuas breves palavras fizeram em meu peito renascer este sentimento bom, puro, verdadeiro. Saber que ainda estás a andar pelo mundo com teu olhar magnífico a encantá-lo é o que me fará respirar a cada segundo de meus dias.”

Adorei todos os personagens. As amigas da Marina – Thaís e Francesca – são muito divertidas! Elas dão todo o humor no livro.

A leitura é leve, flui de uma forma tão deliciosa! Maurício Gomyde juntou dois elementos incríveis: humor e romantismo. E ele fez isso de um jeito que deu muito certo. Nem preciso falar da capa do livro, não é mesmo? É linda! E se adapta perfeitamente à história.

O que ajuda bastante o livro também é a diagramação. Os capítulos são curtos, dando mais movimento para a história e não deixando a leitura ser cansativa.
                      
O livro é recomendadíssimo! Entrou para a minha lista de favoritos com certeza!


21/11/2011

Capa x Capa #2

Oi gente, tudo bem? Hoje tem mais um Capa x Capa. E esse vai ser temático, que tal?
Primeiro, gostaria de falar que a capa que ganhou o Capa x Capa #1 foi Yume da Kamile Girão. Ela adorou saber da novidade. :) 
Mas vamos logo ao ponto.
O tema é: capas com imagens de adaptações. Então vamos lá:



Eu simplesmente adorei as duas capas quando eu vi. E aí, qual vocês preferem? Qual Seu Número? ou Um Dia?

19/11/2011

Lançamentos #1

Oi gente, hoje eu vim aqui rapidinho fazer esse post de lançamentos de algumas editoras para que vocês fiquem antenados no que está por vir! Estes são os lançamentos que eu mais quero ler no momento: Feliz Aniverário, Querida Estranha, Demoníaco e Julieta Imortal.

  • Sá Editora
Título: Feliz Aniversário, Querida Estranha
Numa segunda-feira de extremo calor, em que todos esqueceram de seu aniversário, nada poderia ser mais tedioso para Sara que comparecer a uma sessão de terapia. Mas as coisas tomam rumo diferente quando ela testemunha um assalto e é trancada com outro refém, um jornalista bem mais velho que ela, no depósito de um edifício comercial. Confinada num espaço minúsculo com um desconhecido, é que Sara, ironicamente, enfrentará de verdade seus piores medos pela primeira vez. E aí, então, tudo vira de cabeça para baixo. Tatiana Busto Garcia trabalha com o rico universo dos jovens urbanos. Seus conflitos e expectativas são confrontados em um texto de diálogos cheio de referências bem captadas pela escritora, o que resulta em grande empatia com o público leitor, permitindo que o livro seja trabalhado em salas de aula e em grupos de leitura.

  • Dracaena
Título: Demoníaco

Diablo Ader é filha de uma relação entre Lilith e Lúcifer, que resolve sair do Inferno para trabalhar na Terra como caçadora de demônios. Conhecida por sempre obter sucesso, os Anjos colocam nas suas mãos uma tarefa que, ao seu ver, era a mesma das outras: matar um demônio.

Este, porém, seguia uma linha de terrorismo completamente diferente dos outros: ele estuprava e espancava adolescentes até a morte, porém, não deixava rastro algum. Durante dias ela procura por ele e não obtém sucesso, até certo dia, em que ele deixa um forte rastro. 

Mas ela nunca imaginou que simplesmente correr atrás dele e matá-lo seria uma tarefa tão complicada...

Ainda mais quando um resquício de paixão se coloca entre eles.

  • Novo Conceito
Título: Julieta Imortal

Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava, seu marido, Romeu Montecchio, que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz.
Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e as vidas de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano.
Mas agora que Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará tudo que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela.
Segredos, mistérios e surpresas envolvem este poderoso romance em que o casal mais famoso da literatura mundial tem a chance de contar sua verdadeira história.

16/11/2011

Resenha: Eu Sou O Mensageiro

Título OriginalI Am The Messenger
AutorMarkus Zusak
Editora: Intrínseca
Páginas: 320
Venha conhecer Ed Kennedy. Dezenove anos. Um perdedor.

Seu emprego: taxista. Sua filiação: um pai morto pela birita e uma mãe amarga, ranzinza. Sua companhia constante: um cachorro fedorento e um punhado de amigos fracassados.

Sua missão: algo de muito importante, com o potencial de mudar algumas vidas. Por quê? Determinado por quem? Isso nem ele sabe.

Markus Zusak, autor do best-seller A Menina que Roubava Livros, nos fornece essas respostas bem aos poucos neste incomum romance de suspense, escrito antes do seu maior sucesso. O que se sabe é que Ed, um dia, teve a coragem de impedir um assalto a banco. E que, um pouco depois disso, começou a receber cartas anônimas. O conteúdo: invariavelmente, uma carta de baralho, um ou mais endereços e... só. Fazer o que nesses lugares? Procurar quem? Isso ele só saberá se for. Se tentar descobrir. E, com o misto de destemor e resignação dos mais clássicos anti-heróis, daqueles que sabem não ter mesmo nada a perder nesse mundo, é o que ele faz.

Ed conhecerá novas pessoas nessa jornada. Conhecerá melhor algumas pessoas nem tão novas assim. Mas, acima de tudo, a sua missão é de autoconhecimento. Ao final dela, ele entenderá melhor seu potencial no mundo e em que consiste ser um mensageiro.

Que resenha difícil de fazer. Primeiro, porque é difícil de contar um pouco do livro sem dar spoiler. Mas vou tentar fazer o possível.

O livro conta a história de Ed, um garoto de 19 anos que tem sua vida virada ao avesso após um assalto. Ele passa a receber cartas de baralho pelo correio e nelas há informações e ele tem que entregar “mensagens”.

“O assaltante é um mané. Eu sei disso. Ele sabe disso. O banco inteiro sabe disso. Até meu parceirão Marvin, que é mais mané do que o assaltante, sabe disso.”

É um livro muito divertido. Me encantei com o Porteiro, o cão fiel (e fedorento) do Ed. Adorei o Marv, o Ritchie e a Audrey, os melhores amigos que estão sempre dispostos a jogar um carteado. Fiquei com raiva da mãe do Ed por certas coisas que ela diz. Enfim, eu me envolvi muito com a história.

Admito que no meio do livro, eu comecei a achar a história chata. O livro é divido em 5 partes, cada parte é uma carta que ele recebe pelo correio. Quando eu cheguei na 3ª, já achei que repetia muito as coisas, sabe? Ele recebia a carta e tinha que resolver o que estava sendo pedido. Mas já na 4ª carta, essa sensação do livro ser chato acabou passando e me fez ver que ele é maravilhoso!

A linguagem, pelo menos no começo do livro, é cheia de palavrões. Mas cheia MESMO! Com o passar da história, diminui. Mas é isso que dá a intensidade do livro, porque não faria nenhum sentido se o Ed e os amigos falassem em uma linguagem mais formal, já que eles moram em uma periferia, são pessoas que não fazem nada da vida.

O livro é em primeira pessoa e te leva através de todos os detalhes da vida do Ed. Podemos ver o crescimento do personagem, o autoconhecimento. É incrível ver como era o Ed antes de receber as cartas e o que ele se tornou depois de conhecer tantas pessoas que mudaram sua vida para sempre.

A diagramação dos capítulos é muito legal. Como eu já disse, o livro é dividido em 5 partes, cada uma para cada carta que ele recebe. E os capítulos dentro dessas partes vão de acordo com a ordem do baralho. Do Ás até o Rei. Como eu sempre gostei de jogar um carteado, achei super legal. Para pessoas que não gostam, pode ser só um detalhe de nada, mas eu adorei!

No final do livro, já na 4ª carta, eu já não conseguia parar de ler. Minha curiosidade pra saber quem tinha mandado as cartas me dominou de uma forma que eu não consegui largar o livro até descobrir quem era.

Quando eu finalmente descobri quem tinha mandado as cartas, me decepcionei. Pra mim não fez sentido ter sido a tal pessoa. E aqui vai uma perguntinha pra quem já leu o livro: vocês viram sentido? Se tiverem visto algum, me avisem, porque eu não vi!

Mas o que importa não é quem mandou as mensagens, e sim o que elas significaram. Há uma evolução tão grande do personagem que faz a gente avaliar nossa própria vida. Será que estamos fazendo as escolhas certas? Será que a gente não poderia fazer um pouco mais pelo próximo?

"Às vezes as pessoas são bonitas.
Não pela aparência física.
Nem pelo que dizem.
Só pelo que são."

Recomendo muito o livro pela evolução magnífica da história e do personagem! 

15/11/2011

Sorteio: Ainda Não Te Disse Nada


Participe e concorra a um exemplar AUTOGRAFADO de Ainda Não Te Disse Nada, do autor Maurício Gomyde.

Regras:
Chances Extras:
  • Seguir o twitter @luuara. (Preencha o formulário +1 vez)
  • Divulgar no twitter a seguinte frase (até 5 vezes por dia - preencha o formulário a cada nova divulgação):
#Sorteio -  Eu quero o livro "Ainda Não Te Disse Nada" do autor Maurício Gomyde que a @luuara vai me dar http://migre.me/6a1n0



Por participar desta promoção, no dia 15/01/2012, você ainda pode concorrer  a um Ipad2 que o Maurício Gomyde sorteará em seu blog. Para isso, basta clicar aqui e informar seu nome, seu email e o nome deste blog.


A promoção é válida até as 23:59hrs do dia 21/12. O resultado será divulgado até o dia 24/12.

14/11/2011

Caixa de Correio #1

Olá leitores! E aí, estão curtindo os sorteios? Espero que sim! Continuem participando, pois só assim vocês aumentam as chances de ganhar.
Bom, eu fiz a primeira Caixa de Correio do blog, espero que vocês gostem. E não reparem no meu nervosismo, eu tive que gravar umas 5 vezes esse vídeo até ele ficar desse jeito.


Livros falados no vídeo:
  • Eu Sou O Mensageiro - Markus Zusak
  • Amante Sombrio - J.R. Ward
  • Amante Eterno - J.R. Ward
  • Amante Desperto - J.R. Ward
  • A Janela de Overton - Glenn Beck
  • Infinito - Alyson Nöel
  • Assassin's Creed - Oliver Bowden
  • Ainda Não Te Disse Nada - Maurício Gomyde
  • Senhora Liberdade - Márcia A. Canivello
  • Os Delírios de Consumo de Becky Bloom - Sophie Kinsella
  • Kalunga - Custódia Wolney


11/11/2011

Sorteio: Nas Trevas e Na Luz - Volume I

Oi pessoas, como vocês estão? Espero que muito bem. Eu estou muito feliz. A feira de ciências que eu estava organizando foi um sucesso!
Para comemorar que todos estamos felizes (principalmente com o feriado de terça), venho anunciar o sorteio do livro Nas Trevas e Na Luz - Volume I, da nossa parceira Gisele Carmona
Espero que vocês gostem! Participem! Quem sabe pode ser o seu dia de sorte. :)


Participem e concorram a 1 exemplar de Nas Trevas e Na Luz - Volume I.


Regras:
  • Seguir o blog publicamente.
  • Deixar um comentário nesse post para validar a sua participação.
  • Preencher corretamente o formulário abaixo.
Chances Extras:
  • Seguir o twitter @luuara. (Preencha o formulário +1 vez)
  • Adicionar o livro na sua estante do skoob. (Preencha o formulário +1 vez)
  • Divulgar no twitter a seguinte frase (até 5 vezes por dia - preencha o formulário a cada nova divulgação):
#Sorteio - Para comemorar o Natal, a @luuara sorteia Nas Trevas e Na Luz, da autora Gisele Carmona http://migre.me/689z7



A promoção é válida até as 23:59hrs do dia 24/12. O resultado será divulgado até o dia 27/12.

09/11/2011

Lançamento: Bola de Pelo

Olá leitores! Essa semana ta muito corrida pra mim. Estou organizando uma feira de ciências que irá ocorrer até sexta e eu estou com muita coisa para resolver. Mas depois eu conto mais pra vocês. 
Bom, haverá o lançamento do livro antológico Bola de Pelo pela Editora Andross, e a nossa parceira Gisele Carmona é uma das autoras do livro! AE! :)

Principais informações sobre o lançamento do livro:

- Onde e quando será o lançamento do livro?
Será no espaço China Trade Center - Rua Pamplona, 518, São Paulo, SP (Próximo à estação Trianon Masp do metrô), em São Paulo, em 26 de novembro de 2011, das 15h às 19h.  
- Os convidados pagarão alguma coisa para entrar no evento?
Não. A entrada é gratuita.  
- Haverá coquetel?
Haverá vinho, refrigerante e água.  
- Quantos livros serão lançados nesse evento?
Cinco. São eles:
1) Jogos Criminais - Volume II
2) Tratadp Secreto de Magia - Volume II
3) Anno Domini - Volume II
4) Bola de Pelo
5) Dias Contados - Volume II 
- Há estacionamento?
No próprio local haverá estacionamento, que terá um valor especial de R$ 20,00 para toda a duração do evento.
- Quanto custará o livro no evento?
No evento, os convidados poderão adquirir cada exemplar a um custo promocional de R$ 19,00. Nas lojas, custará R$ 39,00.
- Quais serão as formas de pagamento?
Dinheiro, cheque e cartões de débito e crédito.

Para as pessoas que moram perto, vocês estão intimadas a ir, ok?
Que o lançamento seja um sucesso, assim como o livro. :)

Aproveitem e adicionem o livro Nas Trevas e Na Luz também da nossa parceira Gisele Carmona na sua estante do skoob!

07/11/2011

Capa x Capa #1

Olá leitores! Hoje vou iniciar uma nova coluna no blog. Essa coluna já é tradicional na blogsfera e eu decidi que seria legal fazer aqui também, o que vocês acham? É bem provável que essa coluna seja quinzenal, ainda não decidi.
Mas vamos ao que interessa!


Essa semana eu fiquei encantada com várias capas, então resolvi primeiro colocar aqui duas capas de dois autores brasileiros que eu simplesmente adorei.


 


Então essa é a batalha da semana! Qual capa vocês mais gostaram? Nêmesis, do autor Diogo de Souza? Ou Yume, da autora Kamile Girão? Comentem!

05/11/2011

Parceria: Fabiane Ribeiro

Boa tarde leitores! Esse post era pra ter saído há muito tempo... Mas o e-mail da Fabiane se perdeu na minha caixa de entrada, e eu não percebi que eu tinha o deixado passar! Então, venho anunciar hoje a nossa nova parceria: Fabiane Ribeiro, autora dos livros Xadrez e Corações em Fase Terminal.

Conheçam os livros:

Título: Xadrez
Editora: Multifoco, RJ
Gênero: Romance (drama)
Páginas: 384
Inglaterra, 1947. A Europa encontra-se devastada pela Segunda Guerra Mundial, assim como o coração de Anny. A garota de oito anos vê seu mundo desmoronar ao receber a notícia de que não poderá mais viver com os pais e terá que se mudar de casa levando pouco mais que seu tabuleiro de xadrez. Tudo parecia um pesadelo, até que surge Pepeu, um jovem misterioso que mudará para sempre a vida de Anny, levando-a a aprender sobre o mundo e a viver momentos emocionantes sem sair dos canteiros de seu pequeno jardim. Ao lado de anjos que são colocados em sua jornada, a doce menina aprende a enfrentar as dificuldades através de lições de abnegação, fé e amor verdadeiro.   

Clique aqui e adicione o livro na sua estante do skoob!


Título: Corações Em Fase Terminal
Gênero: Romance (ficção)
Páginas: 117
Cátia, após quase acabar com a própria existência, mergulhada em uma vida de vícios e erros, acorda em um local misterioso, com o coração, manchado, em uma caixa dourada, e uma projeção de si própria, presa em um espelho repugnante.Em meio a uma cidade estranhamente maravilhosa e um amor mais forte que a própria vida, Cátia tem sua última chance de encontrar a cura para seu coração manchado.Descubra o que é o Santuário, o clarão dourado, o templo onde a rosa flutua... Conheça cada personagem e seu coração doente.Cada um deles terá uma última chance para salvar sua vida, devido a seus próprios erros.

Clique aqui e adicione o livro na sua estante do skoob!

Conheçam a autora:

Nascida em Mogi Mirim, SP, Fabiane Ribeiro é Escritora e Médica Veterinária, apaixonada pelas palavras e pelos animais. É autora dos romances “Xadrez” e “Corações em Fase Terminal”.


Para mais informações sobre a compra dos livros, mandem um e-mail para assessoriaxadrez@gmail.com.

E então, gostaram da novidade?

04/11/2011

Resenha: A Mulher do Viajante no Tempo

Título OriginalThe Time Traveler's Wife
autorAudrey Niffenegger
Editora: Suma de Letras
Páginas: 496

A Mulher Do Viajante No Tempo conta a história do casal Henry e Clare. Quando os dois se conhecem Henry tem 28 anos e Clare, vinte. Ele é um moderno bibliotecário; ela, uma linda estudante de arte. Os dois se apaixonam, se casam e passam a perseguir os objetivos comuns à maioria dos casais: filhos, bons amigos, um trabalho gratificante. Mas o seu casamento nunca poderá ser normal. Henry sofre de um distúrbio genético raro e de tempos em tempos, seu relógio biológico dá uma guinada para frente ou para trás, e ele então é capaz de viajar no tempo, levado a momentos emocionalmente importantes de sua vida tanto no passado quanto no futuro. Causados por acontecimentos estressantes, os deslocamentos são imprevisíveis e Henry é incapaz de controlá-los. A cada viagem, ele tem uma idade diferente e precisa se readaptar mais uma vez à própria vida. E Clare, para quem o tempo passa normalmente, tem de aprender a conviver com a ausência de Henry e com o caráter inusitado de sua relação.

A história de um amor perfeito. Aquela que ultrapassa as barreiras do passado, presente e futuro.

"Está escuro, agora, estou muito cansado. Amo você, sempre. O tempo não é nada.”
A Mulher do Viajante no Tempo foi um livro que me surpreendeu em vários aspectos. É uma história de amor daquelas perfeitas, que fazem você acreditar que existe alguém que vai te completar de todas as maneiras possíveis (um pouco clichê não?) mas de uma forma totalmente diferente de outros livros que eu já tenha lido.

Bom, a história é sobre Henry e Clare. Henry tem uma doença genética que faz com que ele ultrapasse as barreiras do tempo, podendo viajar para o passado ou para o futuro. Em uma dessas viagens, ele conhece Clare, que ainda é uma criança de 6 anos. Para Clare, o tempo passa normalmente, como passa para todas as pessoas. Mas para Henry, quando ele a “conhece”, ele na verdade já a conhecia há muito tempo no seu presente.

Um pouco difícil de entender, não? Sim, eu também achei. No começo do livro, eu fiquei totalmente perdida no tempo. Uma hora ele estava em 2000 e outra hora ele estava em 1979. Eu achei divertido até, me senti um pouco como o Henry, senti um pouco da confusão que ele sentia.

No começo do livro, você começa a achar Henry um paizão. Aquele que sempre protege a pequena Clare de todas as coisas, não a deixa se “corromper” (vocês entenderão quando lerem o livro), mas a medida que a história se desenvolve, você começa a sentir um Henry mais sexy, um homem em todos os aspectos.

Por falar nisso, esse livro tem um ponto negativo. A linguagem utilizada nele é meio chula, principalmente quando o assunto é relacionado a sexo. Eu não deixaria uma prima minha de 12, 13 anos ler esse livro. Não é que eu seja super protetora, mas é que eu não acho que a linguagem seja adequada para essa idade.

Além disso, eu achei que houve um exagero de detalhes por parte da autora. Eram tantos detalhes dados que eu acabava me perdendo na cena que eu estava tentando imaginar. Muita coisa poderia ter sido retirada.

Fora isso, a história é linda! Alguns provavelmente já devem ter visto a adaptação para o cinema dele. No Brasil, o filme se chama Te Amarei Pra Sempre. Sinceramente, eu acho ridículo no Brasil eles mudarem tanto o nome do filme, já que nos Estados Unidos o nome é igual ao livro, já que é uma adaptação. Tenho por mim que o nome ficaria muito grande e isso não daria uma fonética legal, atrapalhando na divulgação e etc. Mas ainda assim acho horríveis essas mudanças.

Bom, admito que vi o filme antes de ler o livro. Me apaixonei pela história e fui tentar descobrir de onde era. No começo do livro, achei a adaptação ótima! Mas depois fui percebendo que há várias mudanças, principalmente no temperamento dos personagens. O Henry e a Clare são muito diferentes. Mas vale a pena ver o filme, para conhecer a história, isso acabou me ajudando bastante no começo do livro, com todas aquelas mudanças temporais.

O livro é narrado em primeira pessoa – uma hora o Henry narra os fatos e outra hora essa é a tarefa da Clare. Como eu já devo ter dito aqui, esse é um tipo de narração que eu adoro, já que eu acabo me envolvendo mais com a história desse jeito.

Eu me senti durante todo o livro sensibilizada pela força, pelos sentimentos e pela preocupação de Clare. Ela amava tanto o Henry e foi isso que a fez superar toda a ausência dele, superar que ele talvez não voltasse mais dessas viagens no tempo. Ela me inspirou muito a ter força, a superar todas as barreiras que o destino possa trazer.

Durmo sozinha e acordo sozinha. Dou umas voltas. Trabalho até cansar. Olho o vento brincar com o lixo que passou o inverno inteiro debaixo da neve. As coisas parecem simples até pensarmos nelas. Por que a ausência intensifica o amor? 

É um livro super recomendado pela história envolvente, pela história de um amor que sobrevive aos desafios impostos pelo destino.