07/05/2012

Resenha: Xadrez

Título: Xadrez
Autora: Fabiane Ribeiro
Editora: Multifoco
Páginas: 384

Inglaterra, 1947. A Europa encontra-se devastada pela Segunda Guerra Mundial, assim como o coração de Anny. A garota de oito anos vê seu mundo desmoronar ao receber a notícia de que não poderá mais viver com os pais e terá que se mudar de casa levando pouco mais que seu tabuleiro de xadrez. Tudo parecia um pesadelo, até que surge Pepeu, um jovem misterioso que mudará para sempre a vida de Anny, levando-a a aprender sobre o mundo e a viver momentos emocionantes sem sair dos canteiros de seu pequeno jardim. Ao lado de anjos que são colocados em sua jornada, a doce menina aprende a enfrentar as dificuldades através de lições de abnegação, fé e amor verdadeiro.

Depois de ter lido diversas críticas positivas e de ter esperado alguns meses no booktour, finalmente consegui ler Xadrez.
Apesar de não ter criado muitas expectativas, posso dizer que eu me decepcionei com algumas partes.

Anny é uma menina de 8 anos que é sozinha. Seus pais vivem trabalhando e só vão visitá-la em alguns sábados durante o ano. Mas é quando ela recebe a notícia que ela vai ter que se mudar e a passar a ver seus pais somente uma vez por ano que a história começa a se desenrolar.

Logo no começo da leitura, achei o livro extremamente infantil. Eu estava vindo de algumas leituras mais “pesadas” e senti essa característica muito aguçada, o que acabou fazendo com que eu me decepcionasse logo de cara com o livro e tivesse um obstáculo para seguir com a leitura.

A diferença entre os adultos e as crianças é que, quando crescemos, aprendemos a usar palavras difíceis, achamos que entendemos tudo, aprendemos a nos distanciar dos sonhos e fingimos, fingimos muito. Porque sempre nos preocupamos em manter as aparências, e não em fazer coisas que nos deixam realmente felizes. p. 81
Mas, apesar dessa infantilidade, senti que a Anny era muito madura para ter 8 anos. Parecia que ela tinha 12 anos ou mais.  E, quando o tempo passou e ela apareceu com 18 anos, parecia que ela tinha 10 porque a mentalidade dela não muda e com isso, você não percebe que se trata de uma Anny diferente, com outra idade.

Apesar de o livro passar uma mensagem muito legal, parecia que eu estava relendo o livro Pollyana da autora Eleanor H. Porter. E, mesmo com muitas pessoas amando essa obra, eu fui uma das poucas pessoas que não gostou. Com isso, o enredo Xadrez não me agradou completamente.

Da metade para o final, o livro começou a me prender. Acho que acabei me acostumando com a infantilidade que envolve o livro e, aos poucos, os personagens começaram a me conquistar – alguns bem mais do que a própria Anny.
Porém a combinação entre capítulos grandes – aproximadamente 30 páginas cada um – e essa infantilidade que eu já citei durante a resenha, fizeram com que ele se tornasse cansativo.

Ela sabia que na existência de qualquer pessoa há espinhos e flores pelo caminho. No entanto, ela escolheu ver somente as flores, sem importar-se com os espinhos. Aí residia toda a diferença do mundo. p. 379
A diagramação é bem simples, mas eu tenho um ponto para destacar. Nas divisões dos capítulos, vem uma página só com o número do capítulo e uma citação do mesmo. Gostei bastante disso. As páginas são brancas e as letras são um pouco pequenas, mas com a leitura, elas se tornam confortáveis de serem lidas.

Enfim, esse é um livro indicado para quem quer um livro leve, regado a sonhos e fé. Mas não recomendo para aqueles que não gostam de livros que envolvam personagens infantis e certa perfeição de caráter dos personagens. 

39 comentários:

  1. Estava ansiosa por sua resenha luu.
    Super Sincera de todas as resenha que já vi a sua foi a melhor por sua sinceridade.
    Algumas das outras meio que puxaram sardinha pra autora...
    Enfim, parabéns por mais uma bela resenha
    Beijoos
    Brubs :)

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Luara,

    Gostei muito da sua resenha, e gostaria de ler esse livro...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. oi,
    Não conhecia esse livro
    gosto muito de livros que se passam no periodo da segunda guerra.
    esse parece bom, mas um pouco infantil.

    http://lostgirlygirl.blogspot.com.br/

    @lostgirlygirl

    bjos

    ResponderExcluir
  4. Tenho vontade de ler o livro, mas sua resenha fez minha expectativa diminuir.

    Beijos.

    Carissa
    http://artearoundtheworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Me interessei por esse livro. Já na listinha dos livros para comprar. :)

    Adorei a resenha!!

    http://romariomarquess.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Laura acho o máximo esse seu jeito detalhista =)
    Vc esmiuça cada coisinha, além de ser corajosa e dizer realmente o que vc achou ao invés de ficar rasgando ceda como muitos blogs fazem =/
    Adorei sua resenha, parabéns =)
    bjão

    ResponderExcluir
  7. Ainda não tinha lido uma resenha desse livro, só vi muito ele por aí em blogs, acho que em booktour. Mas enfim, não sabia do que se tratava a estória em si, quando li sua resenha, confesso que não me interessei muito não, leria o livro quando não tivesse muitos outros livros para ler, o que não é o caso agora. rs
    Mas gostei da sinceridade também na resenha Laura ><

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Esta é a primeira resenha que leio do livro e gostei basntante!
    Já conhecia a autora, e agora fiquei um pouco curiosa para saber mais da história.

    Depende do momento eu me irrito com personagens infantis, mas pode ser que eu os ame. Sou bipolar e depende de como anda minhas leituras para que eu goste ou não de algo no livro ou do livro em si.

    Beijos!

    Bia | www.livroseatitudes.com.br

    ResponderExcluir
  9. Luara :)
    Gostei da dica *-*
    Eu tenho o obra,comecei a ler mas tive que parar por enquanto:(

    Beijos e cuide-se

    RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  10. Oi Laura!
    Foi por causa desse livro que propus parceria para a Fabiane Ribeiro.Não li o livro,mas gostei muito da sua sinceridade.
    Bjos Fabi
    http://roubando-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Antigamente, queria muito ler este livro, mas acabei esquecendo, e com a sua resenha, fiquei ainda mais desanimada rs, e apesar de não ter problemas com personagens que sejam crianças, não gosto de personagens infantis. Adorei a sua resenha, foi muito bem escrita e gostei da sua sinceridade.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Nunca tinha ouvido falar desse livro, de verdade.
    Gostei da sua resenha.

    Beijos,
    Marinah | marinahgattuso.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Eu até hoje só li uma resenha desse livro e achei interessante. Confesso que acho essa capa bem legal! Mas vejo que o livro não te agradou mt. Também n gosto de escrita muito infantil, a não ser quando eu realmente pego livros infantos para ler.

    bjs,
    Nicholas - Tudo por um livro.

    ResponderExcluir
  14. Hey
    Esse livro parece ser legal..

    Mas Anny super nova, e já sendo heroína!

    Parabéns pela resenha e sinceridade.
    Sucesso para a autora e o BT

    boa quarta
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  15. Oi Luara, não gosto muito de livros cansativos, pq eu me canso também com certas coisas, tb não gosto muito de livros infantis, vc fez uma ótima resenha, deixando claro o que achou livro.. Parabéns adorei saber sua opnião!! ^^

    beijoss
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/2012/05/resenha-sombra-da-lua-normal-0-21-false.html#comment-form

    ResponderExcluir
  16. Já tinha visto outra resenha e a sua so veio a comprovar a outra que li. Espero em breve poder ler este livro.

    Lucas / Era uma vez...
    livrosecontos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Lu *-*
    Não sei muito bem se tenho vontade de ler esse livro; ele parece ser do tipo que eu abandonaria por falta de paciência sabe? Claro que eu posso estar enganada e tudo mais, mas provavelmente não leria não ..
    Beijãão!

    CC
    http://blogcabelosaovento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá, Luara.
    Essa é a primeira crítica que não é totalmente positiva de Xadrez e apesar de querer conhecer os livros da Fabiane, nunca criei grandes expectativas, o que de uma forma é ótimo, afinal, não preciso ter receio de ler rsrs

    Parabéns pela resenha e pela sinceridade \o/

    Beijos
    Ricardo - www.overshock.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Gosto bastante de livros relacionados a esse periodo
    Me chamam bastante atenção esse tema
    Mas se for cansativo mesmo, não vou gostar

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Adorei a resenha!
    Estou louca para ler logo "Xadrez".

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. O livro parece ser bom demais. Mesmo, não gostando de livros com letras pequenas e ainda mais páginas brancas...cansam demais! Parabéns pela resenha.Beijocas!
    http://palomaviricio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Oi Lu
    eu tô igual você: acabo de vir de leituras com histórias densas e meio dark, com certeza se eu fosse ler Xadrez agora acharia a mesma coisa, pois não curto muito histórias com personagens infantis, mas, quando passar essa fase dark em minha vida rs pretendo comprar o livro da Fabi (já que tive que declinar do book tour por causa da fila imensa de leitura) e ler
    bjos

    ResponderExcluir
  23. Oi Luara!
    Eu sinceramente nem tenho curiosidade de ler sobre o livro...vou muito pela capa tb..rsrs..mas sendo infantil piorou..adorei sua franqueza na resenha!

    Beijos
    Amanda
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Oi Luara!
    Não sei se leria este livro, não.
    Não me chamou a atenção, mesmo eu achando muito boa a sua resenha. Acho que os personagens infantis demais não me conquistam em nada. Pelo contrário, eles só me dão raiva
    Bjks
    Paty
    http://abajurdepapel.blogspot.com.br
    *-*

    ResponderExcluir
  25. Oi flor,
    Estou participando do book tour desse livro, mas agora não sei se quero ler tanto esse livro, sua resenha está sincera isso é bom claro, por se trata de personagens "quase perfeitos", me desanimei..
    Mas vou ler sim o livro ^^
    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Estou atrasada e muito para minha visita aqui no EV, blog que é dos meus preferidos *.*
    Net horrível esses dias travando qd eu abria mais que 2 páginas... mas aqui estou.
    Luarinha, li por alto sua resenha amore, e adorei, nossa, ADOREI, queria devorar mas é que estou no book tour do livro Xadrez e logo ele chega, não quero saber muito sobre a história, sei que vc não é de dar spoiler, mas enfim...
    Qd o ler deixo aqui minhas impressões, prometo \o
    Agora, preciso parabeniza-la por seu apoio aos escritores nacionais, isso aí, temos de apoiá-los mesmo .
    Beijão
    Vivi do Razão e Resenhas

    http://vivianeblood.blogspot.com.br/2012/05/resenha-questoes-do-coracao-emily.html#comment-form

    ResponderExcluir
  27. Olá!

    Ainda não tenho certeza se faz meu estilo. Estou mto em dúvida quanto a esse livro pq gosto de um pouco de ação nas histórias ao mesmo tempo, leio mtos elogios a obra. Acho que lerei só para tirar a dúvida e conferir.

    BjoO
    Pri
    Entre Fatos e Livros

    ResponderExcluir
  28. Oi
    Gostei da sua resenha e a capa do livro é bem legal e interessante.
    Fiquei curiosa com a história desse livro ;)

    Beijinhos
    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com.br
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  29. achei o livro bem interessante, eu amo ler livros infantis de vez em quando (se eu te disser que aprendo com eles você acredita?), amei sua resenha
    beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Acho que qndo começasse a ler iria logo parar rs.
    Não me chamou muito a atenção depois que li sua resenha, mas cada um tem sua opinião. Alguns gostam e outros não.
    Nova resenha do livro Radiante, passa lá?
    manuscritodecabeceira.blogspot.com
    Bjs.

    ResponderExcluir
  31. Oi Luara!
    Realmente você foi acho que a única que eu já vi que não gostou muito do livro. Uma pena que a mudança de idade da protagonista não seja tão notável. Acho que também não gostaria de ler um livro em que a personagem cresce e sua mentalidade não, deve dar mesmo um ar de infantilidade.
    Ótima resenha!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  32. Esta é a primeira resenha que leio deste livro. Eu não me importo muito com personagens infantis, desde que eles não sejam muito extremistas. Tenho curiosidade em lê-lo mais por causa do cenário da guerra. Parabéns pela sinceridade na resenha!

    Bjinho,
    Pri.

    ResponderExcluir
  33. Oi!
    Eu também participo do BT de xadrez. E espero não me decepcionar com o livro.
    Alguns pontos que você destacou na resenha, talvez eu concorde com você, quando concluir a leitura.
    Enfim, espero não me decepcionar.
    Amei a resenha!
    Abraço...

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  34. Já tinha ouvido falar bastante desse livro, porém essa é a primeira resenha que leio.
    Mesmo ela não sendo totalmente positiva, de vez em quando gosto muito de ler livros mais leves e até um pouco infantis por isso acredito que gostaria desse.

    bjs
    Tais
    http://www.leitorafashion.com.br

    ResponderExcluir
  35. Eu já tinha ouvido falar bastante desse livro e já li algumas resenhas também mas nem me lembro mais. Eu gostei muito da sua resenha não esperava que o livro fosse tão leve então depois de ler seu post eu mudei minha opinião sobre o livro agora eu acho que vale a pena ler! Parabéns pelo texto! Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  36. OIe!!!!
    Vou diminuir o numero de paginas dos meus paragrafos agora mesmooooooo, kkkkkk, na verdade eles não são tão longo assim, mas tava mesmo pensando em dar uma enxugada e vc me fez ter certeza rsrs
    bjoss

    ResponderExcluir
  37. Sinceramente, nunca tinha ouvido falar nesse livro. Assim que comecei a ler a sua resenha fiquei curiosa por ser um livro "novidade" mas pelo visto não é tão legal assim.

    Minha empolgação foi diminuindo de acordo com que eu fui lendo sua resenha, parece que o livro não é tão legal.
    Melhor, menos um para a lista de futuras leituras.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  38. Eu estava super ansiosa para ler esse livro, não apenas por causa da capa que me chamou muito atenção, mas porque li muitas resenhas positivas. Esse é um dos grandes problemas que a gente encontra aqui na bloguosfera, tem muita gente que fala bem de livros brasileiros porque não quer que os autores leiam e coisas do tipo. Acho muito digno teres expressado tua opinião na tua resenha, adorei, de verdade.
    Agora fiquei meio assim, porque se tem uma coisa que me incomoda durante o andamento de um livro é quando o considero infantil... Mas quem sabe eu ainda venha a lê-lo.

    Beijoss
    Thaís - Instinto de Leitura

    ResponderExcluir
  39. A primeira coisa que me chamou a atenção do livro foi a capa. Muito bem elaborada! Então, li a sinopse e pensei 'Poxa, que legal!'. Em seguida, li sua resenha e me desanimei um pouco... Eu li os dois livros da Pollyanna e adorei, mas na época eu tinha uns 11 anos. O fato que você citou da personagem não evoluir mentalmente, ter sempre aquela mentalidade de 10, 12 anos me desanimou ainda mais. Gosto de quando as personagens amadurecem e crescem conforme a leitura, bem diante aos nossos olhos! Ainda não o li, mas parece-me que a ideia foi boa, mas não bem desenvolvida.
    Enfim, procurarei lê-lo e tirar minhas próprias conclusões assim que possível, uma vez que gosto por livro seja algo bem subjetivo.

    Beijocas!
    Mary - http://jardimdeborboletas.wordpress.com/

    ResponderExcluir