28/08/2012

Resenha: Presentes da Vida

Título: Presentes da Vida
Autora: Emily Giffin
Editora: Novo Conceito
Páginas: 383

Darcy Rhone sempre teve todos os homens aos seus pés. Tinha um emprego glamouroso, um seleto círculo de amizades e um noivo perfeito, Dexter Thaler. No entanto, tudo mudou quando Darcy se envolveu com o melhor amigo de seu noivo... Seu noivado acabou e perdeu sua melhor amiga, Rachel. Incapaz de assumir responsabilidades e de enfrentar todo esse mal-estar, Darcy foge para Londres, para a casa de um amigo de infância, imaginando que poderia passar uma borracha em tudo isso. Mas, para seu desânimo, Londres se torna um mundo estranho, onde seus truques de sedução não mais funcionam e onde sua sorte parece ter se evaporado. Sem amigos nem família, Darcy precisa dar novo rumo à sua vida e, assim, começa uma linda trajetória rumo ao crescimento e ao amor.

Muita gente já tinha me falado sobre a autora desse livro. Alguns amam, outros odeiam. E eu já sei onde me enquadro: eu amei a narrativa da autora. Estava precisando de um chick-lit para aliviar a tensão dos livros densos e Presentes da Vida caiu perfeitamente bem para o momento.

Darcy tem tudo na vida: dinheiro, todos os homens aos seus pés. Mas tudo desmoronou quando ela traiu seu noivo com o melhor amigo dele e acabou perdendo-o para sua melhor amiga, Rachel. Para tentar fugir dessa má fase de sua vida, Darcy vai passar uma temporada em Londres, com seu amigo de infância, Ethan. E é a partir daí que o enredo de desenrola.

Era tudo mentira. Eu nunca, em milhões de anos, poderia prever esse momento. O choque foi grande demais para mim. Por isso senti como se tivesse recebido um soco arrebatador; o fato de ser inesperado machuca mais do que o próprio soco. Eles me deram um soco, mas eu não queria bancar a idiota. p. 20
Acho que o motivo de eu ter gostado do livro foi porque eu tive uma relação de amor e ódio com a Darcy, a protagonista. Eu ficava em uma situação em que eu falava: “como você pode ser tão irritante?” e deixava o livro de lado. Mas dois minutos depois, o livro já me chamava e eu não podia resistir. Eu adoro livros que fazem isso comigo, de me fazer brigar comigo mesma só para lê-lo.

Até a metade do livro, a Darcy só me irritava. Não conseguia entender como um personagem podia ser tão irritante e tão metido. E isso só piorava com a narrativa em primeira pessoa, o que me fazia ter que conviver em todas as horas com ela. Eu pensei que eu ia ter que ter forças para continuar aguentando a Darcy. Só que a linda da Emily Giffin conseguiu dar uma super reviravolta e, a partir da metade do livro, eu já estava cativada e torcendo para que tudo desse certo na vida dela.

Essas reviravoltas nos mostraram a evolução da personagem durante a obra. Fazia tempo que eu não lia algum livro que, como objetivo, mostrasse a evolução pessoal de alguém. E foi uma surpresa tão boa ver isso na Darcy! Já que esperava um enredo mais bobo, falando só sobre a vida de luxo da personagem, toda essa evolução me fez gostar ainda mais do livro.

Nos dias seguintes, eu ouvia repetidamente músicas inspiradoras como I Will Survive, enquanto tentava pensar em um plano, em uma maneira de escapar da vergonha de tanta rejeição. Eu precisava recomeçar, virar a página, mudar de cenário. p. 175 
Uma coisa que eu adorei foi a narrativa da Emily. Fui sem esperar nada e fiquei mais do que surpresa. A autora consegue conduzir o enredo de uma forma brilhante, nos levando ao auge da empolgação, principalmente no final. A evolução no enredo é incrível, e de certa forma, no término do livro, fiquei imaginando se era o mesmo que eu tinha começado alguns dias atrás, que estava me irritando. Isso é fantástico!

Para aqueles que curtem um bom chick-lit, fica uma excelente dica, com direito a romance, traição, drama e tudo o que um bom livro tem direito. 

62 comentários:

  1. Também tive essa relação de amor e ódio com Darcy! Honestamente, eu ficava até satisfeita com as desgraças que aconteciam na vida dela no início do livro. Com o passar dos capítulos é impossível não se apegar a ela, também senti essa transformação na personagem, que foi bem convincente.

    ResponderExcluir
  2. Estou curiosa quanto a narrativa desta autora,realmente os gostos se dividem bastante em relação a Emily Giffin :)
    a resenha ficou ótima,gostei bastante da estória,parece bem interessante,adoro esses personagens que evoluem com o tempo ,geralmente são os personagens que mais nos cativam ^^

    strawberrydelivrosefilmes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Uau que história hein! muito boa a sinopse ;D ele entao deve ser fan-tas-ti-co!
    rockdeverdadeeatitude.blogspot.com/ bjs

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha diva! Meus parabéns. Quero muito ler ops livros da autora, particularmente esse. Nunca li nada dela :O kk
    Pelo visto a narrativa da mesma é boa ;)
    Sucesso SEMPRE viu? Beeijo ;*

    Ewerton Lenildo - @Papeldeumlivro
    papeldeumlivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Emily é uma daquelas escritoras queridinhas. Eu amo demais.
    Adoro essa história. Eu detestava a Darcy por causa de O noivo da minha melhor amiga, mas terminei o livro amando-a.

    Beijos,

    Carissa
    http://artearoundtheworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Nossa eu nunca li nada da Emily mas pretendo ler em breve, uma de suas obras, pois falam que são ótimas :)

    Guilherme.
    http://umcompulsivoleitor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia esse livro, mas pelo que vi aqui ele parece ser bom, ótima resenha, vou ver se compro pra ler também. :)

    Ps: Desculpe, não colocar o link do meu blog, é que está havendo um problema no google, que diz que quem divulgar o link nos comentários, os blogs serão excluídos.
    Por isso não deixei o meu aqui, estou com medo. :s

    { Clique no nome "Vida de Garota" e visite o blog.}

    ResponderExcluir
  8. Oi Lu!
    Confesso que tenho evitado os livros da Emily tenho dúvidas se vou gostar da leitura,mas a tua resenha me deixou muito impressionada.

    Bjos Fabi
    http://roubando-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Deixa eu te contar, também fiquei irritada com a Darcy no começo do livro e estava ficando de saco cheio dela, daí a autora fez uma reviravolta boa e que eu não achei superficial nem forçada. A personagem aos poucos foi vendo que não era tanto quanto pensava ser e o amigo dela deu um bom "tapa na cara" que a fez acordar.

    ResponderExcluir
  10. Oi Lu, fiquei com vontade de comprar esse livro numa promoção do Extra mas fiquei meio na dúvida kk. Nunca li nenhum livro da Emily e que bom que acabei de descobri que a narrativa dela é boa :) Agora quero ler Presentes da Vida!

    beijos,
    Letícia - Céu de Letras

    ResponderExcluir
  11. Hum, eu tinha muita vontade de ler um livro da Emily Giffin, mas não consegui me identificar com a narrativa, e Darcy só piorou as coisas. Quando a personagem principal não me agrada as coisas ficam bem difíceis.

    Depois da sua resenha até estou disposto a dar uma chance pra moça, quem sabe não leio mais um livro dela para "tirar a prova"...

    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito da resenha que você fez.

    Bjs

    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Luara!
    Nossa, fiquei nesse estado também quando li o livro! E estava bem receosa para começá-lo pois já tinha lido O Noivo da Minha Melhor Amiga e desde lá não gostava da Darcy. Felizmente essa relação de amor e ódio no fim se transformou só em amor e eu adorei o livro!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Haha, amei a resenha, eu não estava com um pingo de vontade de ler Pesentes da Vida por por causa de uns comentários ruins a respeito do livro, mas parece ser muito bom, também amo livros que me deixam nessa relação de amor e ódio rs.
    Bjs!
    Idelmária Ferreira

    ResponderExcluir
  15. Eu já vi vários livros dessa autora, mas nunca peguei nenhum para ler! Parecem realmente muito bons!
    O melhor de tudo é quando esses livros nos surpreendem e nos cativam de uma forma que nos faz não querer largar o livro! Esses são os melhores!

    Beijão
    Pri
    Baú de Histórias

    ResponderExcluir
  16. Olá eu tbm adorei esse livro! Adoro a Emilly Giffin e não vejo a hora de lançar um novo romance da autora... o meu preferido até agora foi Ame o que é Seu, mas todos são ótimos!
    Muito boa a resenha!

    Beijos
    Vanessa

    ResponderExcluir
  17. Oie Lu
    a narrativa da Emily é extremamente viciante e agradável, que o outro livro dela de 400 páginas eu devorei em um dia.
    Ainda não li este, pois estou esperando ler O noivo da minha melhor amiga, pois dizem que esse é tipo uma continuação dele.
    Todas resenhas que leio enfatizam a relação amor/ódio com a Darcy, que já comecei a odiar a bichinha shuahusha
    bjos

    ResponderExcluir
  18. Oi,

    já li esse livro e gostei bastante! Também tive uma relação de amor e ódio com a Darcy e também adorei a narrativa da autora. Ontem terminei "Do Seu Lado" da Fernanda Saads. Tanto os personagens quanto a história me lembraram muito Presentes da Vida!

    Ótima resenha!

    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Eu não sou muito fã de histórias que envolvem traição e afins. Tenho TRAUMA O_o
    Mas adorei a resenha. Parece que a personagem cresce e aprende depois dos erros né? Ainda não li nada dessa autora, mas tenho vontade :)

    Bjokas
    Flavia - Livros e Chocolate

    ResponderExcluir
  20. Já vi vários livros dessa autora, mas nunca comprei porque achei que fossem muito pesados! A capa não parece chick-lit... hehe Mas agora fiquei com vontade de ler! Amei a resenha :)
    Beijão! Raquel, do http://spaceindaze.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Super interessando em ler. Já coloquei na minha wishlist de livros. 8D

    http://naomeentendamal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Tenho muita vontade de conhecer a narrativa desta autora, todos falam muito bem. Eu adoro livros que tem a evolução pessoal de alguém, acho isso muito legal. Eu não sou muito fã de chick-lit, mas fiquei bem curiosa em relação a este livro.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. "Uns amam, outros odeiam" e eu ainda não li nada dela o.Õ Tenho curiosidade para conhecer a sua narrativa e a tua resenha apenas me deixou ainda mais curiosa. Não vou ler/comprar imediatamente, mas com certeza está na lista de leituras!

    Gislaine,
    atualizado, comenta? http://jeito-inedito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Realmente esse livro é um amor, qd li fiquei fan da autora logo de cara.
    Sua resenha estão daquele jeito...ÓTIMA. Como sempre...sempre.
    Luara, seu blog é gostoso demais de visitar, sempre lembro de suas resenha, suas dicas e tudo mais antes de comprar um livro, obrigada *.*
    Beijão grande, Vivi.
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
  25. Obrigada pela dica Luara, acho que irei adorar.
    Gosto de bons chick-lits para intercalar c leituras pesadas e sobrenaturais, rs!

    Beijo :*

    ResponderExcluir
  26. Boa noite Luara,

    Li e resenhei esse livro no blog e gostei demais...eu recomendo...parabéns pela resenha....abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Não consigo empolgar muito pra ler algo dessa autora, não sei porquê...

    ResponderExcluir
  28. Lu, ótima resenha. Eu ainda não tive oportunidade de ler nada da autora, mas tenho que admitir que é mesmo nesse sentido que vejo a maioria dos comentários - uns amam, outros odeiam. E acho que amar e odiar deve ser a melhor sensação, também adoro quando isso acontece. Inclusive minha relação de amor e ódio com a Richelle Mead acontece exatamente por causa disso.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  29. Oi Lu!
    Ainda não li nada da Emily, mas dei de presente para minha mãe Questões do Coração, então mais cedo ou mais tarde quero pegar ele para ler também.
    Mas é como você disse, as opiniões são mesmo bem contrárias, e acho que é isso que me deixa mais curioso quanto a ler algo da autora. Quero poder tirar minhas próprias conclusões.
    Outra coisa que sempre é levantado nas resenhas do livros da Emily é sobre como seus personagens e situações são bem construídos. Beijão!

    ResponderExcluir
  30. Oi, Luara!

    Da Emily Giffin eu já li o livro "Questões do coração". E gostei. Esse é um livro com um drama mais adulto... Não é um chick-lit, mas ainda assim gostei bastante da escrita da Emily, assim como você. E olha... Acho que a Emily tem uma maneira tão peculiar de construir personagens que me senti lendo "Questões do coração" da mesma forma que você se sentiu em relação a Darcy. Eu tinha uma relação de amor e ódio. Eu ficava meio que em cima do muro, sabe? Não conseguia me decidir (rapidamente) sobre como eu me sentia em relação a eles.

    Beijos,
    Amanda — Lendo & Comentando
    ^_^

    ResponderExcluir
  31. Eu consegui passar do ódio a admiração com a Darcy. Rachel é uma coisinha apagada e sem graça perto dela.
    Esse livro se tornou o meu queridinho da Emily. Apesar de ter adorado O noivo da minha melhor amiga, quando a Darcy é protagonista não tem pra ninguém.
    AMEI esse livro e achei o final a coisa mais fofa do mundo.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  32. Comprei Questões do coração e estou muito ansiosa pra ler, a maioria das pessoas gostam da narrativa da outra e, como sou curiosa quero conhecer tb!

    Presentes da vida é outro livro que desejo comprar! A resenha ficou ótima, Lu!

    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Hey,
    já ouvi falar muito nesse livro, sei da história... mas nunca li e tal. Parece ser bacana, adorei a resenha ^^

    Bye (tem resenha nova),
    http://prateleiradepensamentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Eu curto esse gênero, acho o máximo! *o*

    Olá!
    Vim aqui para convidá-lo(a) a conhecer o meu livro que lançará agora em Setembro 2012. Peço mil desculpas pelo “spam”, mas é muito difícil divulgar livros, sobretudo aqui no Brasil. Nós, autores nacionais, ainda somos muito desvalorizados, mas continuamos na luta para que esse fato seja revertido!
    Sendo assim, gostaria que conhecesse a minha obra chamada “Meu Conselheiro de Luz”. Trata-se de um romance voltado para a literatura juvenil.
    Seria de grande ajuda que você adicionasse a obra em seu skoob:
    http://www.skoob.com.br/livro/257467
    E no facebook:
    https://www.facebook.com/MeuConselheiroDeLuz
    Desde já agradeço a sua atenção e tenha um ótimo dia!

    ResponderExcluir
  35. Ah, Lu, por alguma razão esse livro não me atrai. Talvez seja a capa que eu não gosto, ou o título que não curti muito, o que eu sei é que eu jamais imaginaria que era um chick-lit da vida. Pensei que era um drama à lá Sparks.
    Enfim, apesar de curtir enredos e personagens que evoluem, tá ai um livro que não tenho interesse de ler ;/

    Beijitos

    ResponderExcluir
  36. Luara, acredito que o maior em Presentes da Vida é justamente a evolução da personagem - que, como citado, no início é MUITO irritante ¬¬"
    Como já comentei, esperava uma comédia, assim como foi a "primeira" história, mas ao menos curtir a narrativa da autora.

    Parabéns pela resenha :)
    Ricardo - www.blogovershock.com.br

    ResponderExcluir
  37. Tem selinho para você lá no blog ;*
    http://fulanaleitora.blogspot.com.br/2012/08/selinho-1.html

    ResponderExcluir
  38. Nossa luara eu vi esse livro na vitrine da livraria essa semana mais nem dei muito valor,sabe aquela de julgar o livro pela capa.
    Mas essa sua resenha despertou minha curiosidade quero conhecer o Darcy que tanto te irritou no começo
    Beijos

    ResponderExcluir
  39. Oi, Luara!
    Adoro chick-lit! E morro de vontade de ler algo da Emily, então acho que esse livro é pra mim haha :D

    Beijos,
    Bianca - www.epilogosefinais.co.cc

    ResponderExcluir
  40. Oie,
    Não li esse livro, me interessei por ele depois de uma resenha, mas nada como "eu preciso" dele. Acho o tema bem comum, mesmo assim fico curiosa.
    Beeijoo!!

    http://meusantidotos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  41. Amo um bom chick-lit tenho que pegar esse livro emprestado com a minha prima, fiquei super curiosa para ler Presentes da Vida.

    Beijos Bruna.
    Sweet Shyness

    ResponderExcluir
  42. Olá!
    Eu adoro chick-lit, e estou com este livro aqui para ler, so me falta mais tempo.
    Hum, o livro parece ser muito bom*

    Bjinhs*
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  43. Oi Luara! Eu tenho Questões do Coração, da mesma autora, porém ainda não me surgiu oportunidade de lê-lo, fora que ele é meio grandinho, e estou querendo mais é livros curtos! Ótima resenha!

    Beijão!
    Lendo de Tudo

    ResponderExcluir
  44. Olá tem selinho pra você no meu blog

    bjos e boa noite

    ResponderExcluir
  45. oi querida,
    ainda não li nenhum dela, mas tenho vontade. É muito bom quando um livro vai mal e do nada fica muito bom :D
    boa semana
    ;*

    dudsparrow.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  46. Lu, não sou muito fã de chick-lit's, mas tenho vontade, sim, de ler algo da autora. Mas, pra ser bem sincera mesmo, dos enredos dela o que eu mais tenho vontade de conferir é Questões do Coração. No mais, só conferia se surgisse mesmo a oportunidade, não sei... enfim, gostei muito da resenha. Acredito na qualidade da obra, senão não teriam tantos admiradores. :)

    Um abraço!
    http://universoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  47. Bom, sou apaixonada pelo primeiro livro! :)
    Acho Rachel muito fofa! E nao gostei da Darcy
    Mais todos falam bem dela, depois desse livro!
    Talvez eu leia,
    amei sua resenha!
    Selene Blanchard
    Bacio,Moda & eu

    ResponderExcluir
  48. Oi Lu,

    Eu gostei desse livro, mas acho que não tem como não ficar irritada com a Darcy, não é mesmo? Ela era muito chata! Mas tirando isso, gostei bastante.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  49. Adorei a resenha. Quero muito ler algum livro dessa autora, pois sempre falam bem. Fora que devo gostar desse porque gosto das narrativas que me fazem ficar emocionada.

    Beijos,
    http://chicklitobsession.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  50. Ainda não li nada da Emily, mas vivo ouvindo que este é ótimo!

    Um beijo,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  51. Não sei porque mas sua resenha me fez pensar em um livro que li a pouco tempo: 'A casa das orquídeas'. Eu tive sentimentos parecidos com o seu, mas no final vi que ele era um dos melhores livros que li este ano.
    'Presentes da Vida' não tinha me chamado tanta atenção até eu ver sua resenha Lu! Eu adoro livros assim, que a narração flui, e acabamos querendo ler o livro sem intervalos, para não perder nadinha. Vou incluir na minha listinha ;)

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  52. Gosto de fazer isso de alternar livros "sérios" com "leves": você não fica sobrecarregada, sabe? Pena que a protagonista é meio pé-no-saco... Para mim (principalmente em um livro em primeira pessoa como vc mesma disse) acaba estragando um pouco a história.

    ResponderExcluir
  53. Oie Luara!
    Dizem que esse livro não é muito bom, parece que é a protagonista que estraga a história.
    O título é bonito, e a capa também, mas pela sinopse, não me interessou muito...

    Bjs,
    Ariane;)

    ResponderExcluir
  54. Esse livro não me surpreendeu tanto, mas acho ele perfeito para momentos tensos, uma leitura para descansar a mente...para mim resume assim este livro.

    ResponderExcluir
  55. Ei Lu!

    Ah, eu amo chick-lit *-* Não sabia que Presentes da Vida poderia ser um livro leve, pra descontrair...Pensei que fosse um desses livros que só tratam do drama da personagem, sabe?
    Uma pena a Darcy ser chatinha, mas deve valer a pena mesmo assim! hahaha

    Bjoos'
    Lets

    ResponderExcluir
  56. Oi Lu! Eu estou com Presentes da Vida aqui em casa e não vejo a hora de lê-lo, acho que vai ser a minha proxima leitura. Ele seria como uma continuação do Noivo da Minha Melhor Amiga, não é? Minha melhor amiga (hahaha) leu (O Noivo...) e disse para eu ler Presentes da Vida :)
    Beijos!
    http://thebooksthief.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  57. Eu terminei essa semana de lê-lo, e não fui tão amigável assim com a Darcy...
    Eu detestei ela desde o começo e mesmo no fim que ela tinha mudado bastante eu não consegui gostar dela.
    A narrativa da Giffin realmente é boa, pois ela fez eu ficar com muita raiva da Darcy em alguns momentos, eu largava o livro, xingava um monte ela, e acabava voltando e perguntando como ela podia ser tão fútil...
    Meu namorado dava risada de mim por meus momentos "vou matar essa menina" >.<'

    ResponderExcluir
  58. Oi Luara, adorei sua resenha e vou colocar esse chick-lit na lista.. gosto de livros assim, e quero ver se vai ser a mesma coisa que foi com vc de pegar o livro e largar e depois ir correndo pegar de nvoo ^^

    bjs
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  59. Eu também adorei esse livro, sei bem como é ter relações de amor e ódio com personagens, me irritei bastante com a Darcy por ela ter sido tão fútil, mas também torci pela felicidade dela, afinal todos merecem uma segunda chance não?

    Beijinhos

    www.chatadoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  60. Li esse livros faz tempo já. E ameeei. senti tudo isso que vc sentiu hahahaha
    Beijos
    Bruna-Livros de Cabeceira

    ResponderExcluir
  61. Oi,
    Ainda não li esse livro e agora quero comprar já, eu super gosto dessas protagonistas que provocam amor e ódio. Haha
    Beijos.
    http://ceuliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  62. Eu amei esse livro! A Darcy me deixava muito irritada, mas ler o crescimento da personagem foi emocionante.
    Beijos
    Meus livros, minha história
    @Blogmeuslivros

    ResponderExcluir