10/09/2013

Resenha: Sob o céu do nunca

Título: Sob o céu do nunca (Never Sky #1)
Autora: Veronica Rossi
Editora: Prumo
Páginas: 336
Primeiro livro de uma eletrizante trilogia ambientada em um futuro imaginado, mas assustadoramente possível, “Never Sky: Sob o Céu do Nunca” chega ao Brasil rodeado de grande expectativa por parte dos fãs de distopias. Em um cenário pós-apocalíptico, a população do planeta se dividiu entre aqueles que conseguiram esconder-se em cidades encapsuladas, conhecidas como núcleos, e as que sobreviveram nas áreas externas, mas tornaram-se primitivas. Através de um dispositivo eletrônico, os habitantes dos núcleos podem frequentar diferentes Reinos, cópias virtuais e multidimensionais do mundo que elas deixaram para trás. Neles se pode fazer qualquer coisa, ser qualquer pessoa, sem consequências no mundo real. Mundos sem dor, sem medo. As palavras dor e medo, porém, fazem parte do vocabulário cotidiano dos que vivem além das paredes dos núcleos. A escritora Veronica Rossi se utiliza da oposição dessas duas sociedades para pensar o poder da tecnologia, seus benefícios, malefícios e alienação que pode provocar nas pessoas.


Sabe aquele livro que você sempre quis ler, mas nunca tinha a oportunidade? Sob o céu do nunca é exatamente esse livro. Já o conhecia em inglês porque a capa original é maravilhosa. Quando a Editora Prumo trouxe o livro para o Brasil, fiquei tão decepcionada por terem mudado a capa, que minha vontade acabou ficando um pouco de lado. Mas, quando essa belezinha chegou aqui, só tive vontade de pegar e lê-lo na mesma hora: o efeito metalizado que colocaram a deixa fascinante, daquelas que te chamam atenção. E foi com as expectativas lá em cima que iniciei minha leitura.

Ária vive em Quimera, uma de várias cúpulas em que a vida é perfeita. O lado de fora é visto como o pior lugar possível para estar: a morte pode alcançar os habitantes de Quimera só com o simples fato de estarem debaixo de constantes tempestades de éter. Em uma confusão, Ária acaba indo parar nessa Terra dos Selvagens e tudo o que ela acreditava precisará ir por água abaixo se ela quiser sobreviver. Nessa saga, ela conta com a ajuda de Perry, um caçador que tem opiniões totalmente diferentes dela, mas que vai mudar totalmente sua forma de encarar o mundo.

Ninguém em Quimera jamais morreu por um coração partido. Traição nunca levava ao assassinato. Essas coisas não aconteciam mais. Agora, eles tinham Reinos. Podiam experimentar qualquer coisa sem correr riscos. Agora, a vida era "Melhor que real. p. 76
O meu excesso de expectativa atrapalhou e muito. Todas as resenhas que tinha lido até então classificavam esse livro como fantástico e, quanto mais eu lia, menos eu achava que o livro iria dar em algum lugar, uma vez que ele não tinha nada que me envolvesse. Para ser totalmente sincera com vocês, nas primeiras cento e cinquenta páginas eu ficava me perguntando qual era o sentido do livro e eu fiquei tentada a abandoná-lo. Porém, como sou uma dessas leitoras que só em último caso desistem de um livro, me forcei a continuar. E que bom que eu fiz isso!

O enredo dá uma reviravolta inesperada após a primeira metade e, a cada capítulo a partir de então, teu fôlego vai embora. Você quer ler, você precisa saber o que vai acontecer. Isso acontece quando o livro finalmente ganha alguma ação, já que a primeira parte é muito introdutória, o que deixou o começo Sob o céu do nunca muito arrastado. Por causa dessa acelerada que a autora Veronica Rossi aplica ao enredo, a ansiedade cresce no mesmo ritmo e deixa a relação com os personagens muito mais favorável.

Um dos grandes trunfos utilizados pela autora foi desenvolver o crescimento dos personagens juntamente com o enredo, pois, por mais que a narrativa seja em terceira pessoa, a autora dá enfoques tanto para as situações da Ária, quanto para as do Perry, dividindo os capítulos com os respectivos nomes. No começo, eu não conseguia gostar nem da Ária, nem do Perry. A primeira aparentava ser muito fútil (o que, levando em consideração as condições em que ela vivia, faz todo sentido) e eu tive medo que isso perdurasse até o fim. Já com relação a Perry, infantil demais. Juntamente com a evolução do enredo, os dois protagonistas também se desenvolvem, o que pra mim foi um dos pontos altos.

- As nuvens se dissipam? - perguntou ela.
- Completamente? Não. Nunca.
- E quanto ao Éter? Ele some em algum momento?
- Nunca, Tatu. O Éter nunca some.
Ela olhou para cima.
- Um mundo de nuncas sob o céu do nunca. p. 116
E nem preciso comentar da diagramação, não é? Como vocês podem ver na foto abaixo, a editora teve um super cuidado nos detalhes:


Uma distopia com nuances de ficção científica daquelas de tirar o fôlego. Terminei o livro sem acreditar que a autora teve coragem de deixar o leitor nesse estado, querendo infinitamente o segundo o volume (pois é, é uma trilogia). É aquele esquema: tem que ter paciência com o começo, mas, quando você se dá conta, já está apaixonado por Sob o céu do nunca. Altamente recomendado! 

49 comentários:

  1. Luara, eu já me deparei com esse livro várias vezes na livraria, e acho o efeito metalizado que você citou lindooooooo!
    Ainda não tive a oportunidade de ler, é bom saber que o livro e os personagens crescem no decorrer da história.
    Mais um pra minha enorme listinha.
    Bjks

    Patty Santos - Blog Coração de Tinta
    http://www.coracaodetinta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Como fã de distopias, to amando essa onda que está surgindo! Pena que as trilogias acabam com a minha poupança k Mas já vou adicionar esse nos meus desejados :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu sou outra que sempre quis ler mas não teve a oportunidade. Sempre ouço falar tão bem! :/ mas não é dos mais baratos, então acabo adiando a compra.

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Também já vi outras resenhas positivas do livro. A premissa me interessou, mas tinha deixado para depois, pois minha lista de leitura é grande e havia outros livros que estava com muita vontade de ler. Mas a foto da primeira página me deixou curiosa, talvez eu leia esse livro em breve, pois gosto de distopias, e também de histórias em que o personagem sofre um amadurecimento ou uma mudança de pensamento.

    http://contosdemisterioeterror.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Lu, ainda não tinha ouvido falar desse livro! Odeio quando levanto muitas expectativas e acabo me decepcionando, e acho que aconteceu isso com você, pelo menos um pouco. Mas, ainda bem que deu tudo certo no final, que você gostou do livro, etc! Vou ver se eu ainda o leio :)

    Beijos,
    Caroline
    http://criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Sempre quis ler mas até agora não tive a oportunidade. Quero comprar logo mas ainda assim tenho outros livros nas minhas prioridades. Mas parece ser um livro intrigante, apesar que a história não me chama tanta atenção assim.

    http://alguns-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Luara, acho Ária um nome muito lindo..
    Adoro quando o autor nos deixa perdendo o fôlego aguardando o próximo livro, isso é mágico!! hehe
    Mais não curto ficção científica, então não leria..

    beijos Mila
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho esse livro aqui em casa, mas ainda não li... Já dei uma folheada nele, e a história parece ser bem interessante. Também amei a diagramação, apesar de ter achado essa capa feia em comparação com a americana.

    Beijos
    Fernando Reads

    ResponderExcluir
  9. Eu adorei esse livro. *-* Li também com várias expectativas, mas no fim todas elas se superaram. rs
    Acho a capa muito linda! < 3
    Estou ansiosa para o próximo volume. ):
    beijos

    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oie Luara =)

    Vejo bastante gente comentando sobre esse livro, mas eu estava achando ele mais ficção científica do que distopia. Acho que foi por causa da capa rs...

    Sinceramente o livro até que me chamou a atenção, mas (...) qual é o problema com livros únicos? Ando largando mão de ler vários livros por causa disso ultimamente...

    Ótima resenha flor!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  11. Gostei bastante de sua resenha Luara e até que fiquei curiosa a respeito do livro. Mas estou tão exacerbada de séries e trilogias. A capa é feia, sério, não curti nem um pouco, mas não leio um livro só pela capa, então isso não seria um problemas e vi que a diagramação está pra lá de fofa. Quem sabe daqui um tempo eu me anime.
    Beijos
    Vivi

    http://vivianeblood.blogspot.com.br/2013/09/resenha-crimbfuor-chegada-atrithar-mike.html

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Eu gosto de distopias e essa trilogia parece ser bem bacana :)
    Adorei a sua resenha
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  13. Gostei da resenha Luara. Só ouço ótimos comentários a respeito de Sob o Céu do Nunca e a capa realmente é muito bonita. Sei muito bem como é esse lance de alimentar expectativas...Muitas vezes nos frustramos com algumas coisas...Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Luara, sei bem o que é começar um livro cheia de expectativas e me decepcionar no começo. Algumas vezes eu parei por aí mesmo, outras eu persisti e assim como você tive uma grata surpresa porque a história deu uma reviravolta e me pegou de jeito.
    Sua resenha me deixou bem animada pra ler o livro. Só o que me deixou um pouco triste é que ele é uma série e a gente precisa esperar sabe lá quanto tempo pelo lançamento do próximo. E com esse final que você falou, fica difícil ter paciência.
    Por isso vou esperar os demais serem lançados e só aí me dispor a ler.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  15. Oiee

    Tudo bem ??

    Nossa o livro parece ser ótimo mesmo adorei a sua resenha no primeiro momento achei que não tinha gostado até rsrs depois percebi o quanto ficou bom a resenha, fiquei com vontade de ler mas prefiro esperar os outros lançamentos kkk a minha ultima experiência com livros de série quase me mata do coração e eu estou ansiosa até hoje pelo último volume do livro 1Q84 rsrs

    Beijos

    http://www.livrosechocolatequente.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Nossa amei o detalhe da diagramação que você destacou, aumenta a vontade de ter esse book RSrs
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Bom dia :)
    Como vai,Luara?

    Este livro eu não li :O
    Mas a capa original é bem linda como você mesma citou e sua resenha,nem preciso falar né? adorei *--*

    Beijos e dese já um excelente final de semana

    Rimas Do Preto

    ResponderExcluir
  18. Também tenho muita vontade de ler esse livro, embora nunca encontre quando vou fazer umas compras. Gostei da resenha, bem detalhada, mas direta. Gosto de livros que mostram o crescimento dos personagens, que passam incríveis mensagens,e sempre achei/acho que esse é desse tipo. Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi Luara, eu só amei esse livro. E não achei o início ruim, como você disse ele é introdutório e é normal que a gente se canse ou fique um pouco perdida no início. Não consegui soltar o livro, principalmente depois que Ária e Perry se encontram, eu já sabia o que esperar porque no book trailer já solta um spoiler (sobre o primeiro beijo). Estou ansiosa para a continuação que teve sua publicação adiada :(
    Abraços,
    Raquel - Viajando com Livros.

    ResponderExcluir
  20. Ver a sinopse e depois a sua resenha me deixou meio em dúvida. Pela sinopse não é muito o tipo de livro que eu leria, apesar de que eu lio qualquer tipo de livro. Mas o meu medo é exatamente o que citou, que a história demore muito para se desenvolver e fique dando voltas até realmente ficar emocionante.

    Greice Negrini

    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  21. Olha, Luara, pra falar a verdade, sou bem impaciente, mas às vezes realmente me forço a continuar e fico surpresa quando o livro dá essa virada toda. Aí me faz pensar que o livro começou dali pra frente, como aconteceu com No Limite da Atração (da página 148 pra frente), mas eu nem cogitei abandoná-lo, ufa!

    É um livro que morro de vontade de ler, também desde que vi a capa americana e porque amo distopias. Mas ainda bem que vc me avisou, certeza que eu abandonaria antes da hora hahaha.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Oi Lu, não sou muito fã de distopias. As de maiores sucessos foram uma decepção pra mim,rs.
    Eu acho que a capa não mudou muito, até que a essência continuou lá, tem algumas que nos fazem querer se jogar pela janela mesmo.
    Eu dificilmente consigo largar um livro quando ele não está atendendo minhas expectativas, fico lá firme só pra no final eu dizer: Terminei um livro besta, yay! haha

    Beijão!!

    Ana
    www.euleitora.com.br

    ResponderExcluir
  23. Olá Luara!Menina eu não sabia que o inicio deste livro era assim...tão parado.Cheguei a pensar que você diria que o livro era uma decepção.Mas ai você vem e me fala que apos umas paginas o livro pega fogo e que não conseguia largar ele.
    Bom você me assustou,mas...fiquei aliviada de ver que o livro tem toda esta magnitude que nos leva a ansiar pela continuação.
    Eu já tenho este livro aqui,mas estou sempre adiando minha leitura(não sei ao certo o por que.).Mas agora sabe,me deu aquela vontade de pegar ele e começar a leitura.
    Eu não era fan de distopia,mas acabei abrindo as portas,para aceitar este gênero,e vejo muitas distopias ótimasE este livro com certeza sera aquele do qual eu irei gostar bastante.
    Parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    PS:Ainda bem que você não desistiu da leitura.Pois sou assim como você,o livro precisa ser muito ruim para eu largar.Caso contrario,eu insisto. ;)

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
  24. UAU!
    Adoro capas cm efeito metalizado!
    Ahchei a capa nacional bem bonita, mas nem se compara a original né?
    E olha, você me deixou curioso.
    Gente, é pouco dinheiro pra muito livro bom!
    USAHUHSAUSAHUSA
    E que diagramação fofinha né?
    Ai gente, curti a história, já quero!
    Hehe
    Beijos!
    http://leiturasdoedu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Laura, já disse a vc como seu blog é fofo *-*
    hahaha adoro vim aqui, uma pena não visitar com tanta
    frequência. Nossa não dava nada por esse livro, vc acredita?
    A capa é linda, a sinopse é boa, mas nunca parei para ler nenhuma resenha dele, a sua foi a primeira. Fiquei chateada por ainda não o ter lido, rs
    bjs

    http://www.loveebookss.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Amo capas metalizadas e ficções científicas, então já gostei! xD
    Esse livro já estava na minha lista de desejados, mas acho que vou pular ele algumas posições agora *-*

    Beijos:
    fantasiandocomoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Não sou muito fã de distopias, mas só de saber que o enredo e envolvente e os personagens se desenvolvem tornando a trama interessante me deixa bem interessada, então quem sabe eu não acabe lendo, se surgir uma oportunidade.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Eu gostei da resenha, mas não sei se leria o livro.

    Bjus.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Oi Lu, tudo bem?

    Esse é o primeiro contato que tenho com esse livro. E realmente fiquei encantada e muito curiosa pela história de Ária. E os quotes me deixaram sem palavras... Vou colocar na listinha de desejados do Skoob, e espero em breve poder lê-lo.

    Beijos
    www.procurei-em-sonhos.com

    ResponderExcluir
  30. Não conhecia o livro, mas parece muito interessante.

    Abraços.
    http://divisaoliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Laura,

    Otima resenha! Adorei o livro! Eu ja' consegui o segundo em Ingles e achei ele melhor ainda que o primeiro. Eu sube que a Prumo vai lancar o segundo aqui em Janeiro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  32. Oi Luara,
    Eu sou completamente apaixonada por Distopias. Eu já tinha lido algumas resenhas - todas positivas - mas fiquei bastante interessante ler uma que dizia que o livro não era tuuuuudo aquilo que diziam, pra assim como você eu não ficar muito cheia de expectativas. Eu quero ler, mas vou esperar mais um pouco. Estou fugindo de sagas/Trilogias.
    Ótima Resenha.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  33. OLá, flor!
    Você me matando de curiosidade e suspense com esse livro, claro, ainda não tive a oportunidade de ler essa belezura, mas quem sabe em breve.

    Gosto muito de livros que me fazem sentir bem, e lendo sua resenha, esse livro seria um desses.

    Beijos, Clicando Livros
    *---*

    ResponderExcluir
  34. Awn, faz um tempo que eu quero ler esse livro, a história é bem do jeito que eu gosto hihi
    Resenha ótima!]
    Beijos.
    http://www.garotadolivro.com/

    ResponderExcluir
  35. Oie Lu
    eu também amei o livro. Não entrou para as distopias queridinhas, mas o Perry é muito amor.
    Eu também tive dificuldade com o início, mas depois que me acostumei com o ritmo da narrativa me apaixonei. Quero o segundo livro logo.
    bjo

    ResponderExcluir
  36. Adorei o blog e a resenha, fiquei curiosa pelo livro, parece ser muito bom.
    Parabéns pelo seu trabalho, adorei o designer e tudo mais ;)
    Beijos.
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Oi Lu,
    Só vejo comentários positivos sobre ele , mais não o li ainda, espero um dia poder ler ^^
    Como sempre ótima resenha
    Beijokas, Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  38. Já escutei falar muito, muito bem do livro, mas como você não tive oportunidade de ler ainda. E até outro dia coloquei ele na minha lista de compras de final de ano ♥

    beijinhos
    www.intheskyblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  39. Oi flor, tudo bom?
    Toda vez que vejo esse livro em uma livraria, em sites, ou até mesmo com alguém na rua, fico babando, além da capa e da diagramação serem perfeitas, como você falou. A premissa me fascina, quero muito mesmo ler.

    Beijos,
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
  40. Oi, Luara. Já tenho esse livro, mas ainda não li. Estou loca para ler. Sua resenha me deixou aflita mesmo você tendo gostado mais da segunda metade do livro. Adoro distopias e esta está definitivamente entre os primeiros da lista de livros para ler.

    Beijos.

    http://navirj.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  41. Oi Lu, desde que fiquei sabendo sobre o lançamento do livro eu fiquei cheia de expectativas, e mesmo que o livro tenha um começo arrastado, os seus cometários sobre o resto do enredo me deixaram super curiosa para saber o que acontece. Imagino que o final sejam daqueles bem "oh meu Deus o que acontece agora".

    beijokas

    ResponderExcluir
  42. Oi,
    Nossa, leio resenhas positivas desse livro!! Cada vez fico mais curiosa!rs
    Bjs!
    Viciados Pela Leitura

    ResponderExcluir
  43. Nossa adorei a resenha desse livro, ta faltando livro assim
    na minha prateleira além da capa ser muito bonita!!!
    bjkas
    Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  44. Oi flor,
    Que legal que você gostou do livro as vezes tem livros assim que demoram para dar uma guinada ne...mas que bom que no final esse te surpreendeu...fico feliz...Para mim este livro cai mais no gosto do meu excelentissimo então repassarei a dica.
    Bjsss
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  45. Nunca tinha ouvido falar desse livro, me deixou com uma curiosidade enorme!
    Adoro livros que nos surpreendem!!

    Beijos!!

    http://cafecomlivrosblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  46. Oieeeee, nossa. Que resenha foi essa? To sem folego!
    Eu sei que a editora Pruma é uma das que traz mais títulos legais, mas me surpreendeu esse livro. Não dava nada por ele. E sobre a batalha de capas: a francesa é a mais bonita.

    Beijos, @_RayPereira
    http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  47. Luh eu estou super ansiosa para ler este livro também, pois como vc li inúmeras resenhas dele que me deixaram curiosa.
    Lendo a sua resenha fiquei um pouco apreensiva, pois vc disse que esperava uma coisa e no fim a leitura não conseguiu te cativar logo de imediato, daí fiquei assim, mas como? Ixe, será que o pessoal estava blefando?
    Mas aí, vc falou que foi apenas a parte introdutória, que ficou mais arrastada e se tratando de uma série, isso tende mesmo a acontecer neh? Então, soltei um suspiro de alívio, por saber que depois o livro vale realmente a pena!
    Estou bem instigada para essa leitura, mas nem sei se farei tão cedo, por conta de ser uma série e eu estar parada na leitura de séries, por enquanto...
    Adorei seu texto querida. Bjus

    www.lerepensar.com

    ResponderExcluir
  48. poutz, eu adoro uma distopia. A história desse parece ser bem legal :D

    ah, eu curti a capa xD

    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  49. Nossa verdade, essa capa é maravilhosa (ainda bem que mantiveram a original né :D)
    Adorei sua resenha, e agora sei que com certeza vou ter de ler esse livro *-*
    Valeu pela dica

    Beijo

    ResponderExcluir