04/11/2013

Resenha: O Amor Mora ao Lado

Título: O Amor Mora ao Lado
Autora: Debbie Macomber
Editora: Novo Conceito
Páginas: 160

Lacey Lancaster sempre quis ser esposa e mãe. No entanto, depois de um divórcio bastante doloroso, ela decide que é hora de dar um tempo em seus sonhos e seguir sozinha mesmo. Mas não tão sozinha: sua gatinha abissínia, Cléo, torna-se sua companhia de todas as horas. Até é uma vida boa — um pouco aguada, é verdade — a de Lacey. A não ser por seu escandaloso vizinho, Jack Walker. Quando Jack não está discutindo, sempre em voz muito alta, com sua namorada — com quem insiste em morar junto — está perseguindo seu gato, chamado Cão, pelos corredores do prédio. E Cão está determinado a conseguir que a gatinha Cléo sucumba aos seus avanços felinos. Jack e Cão são realmente muito irritantes. Mas acontece que a primeira impressão nem sempre é a que fica...

Regado a simplicidade, O amor mora ao lado é um livro totalmente despretensioso. Debbie Macomber criou um enredo que prende e encanta o leitor, o que fez com que a leitura fosse muito leve, rápida e o melhor de tudo: engraçada. Isso tudo acompanhado com o enredo fluido, criou uma ambientação muito propícia para que eu pegasse o livro só o deixasse de lado após a última página, de tão delicioso que estava.

Lacey Lacaster mudou-se de cidade após um divórcio que a fez desistir inteiramente do amor. Um ano depois dessa mudança, sua gata (e agora companheira de vida) Cleo, acaba fugindo para o apartamento de Jack, seu vizinho e personificação de tudo que ela odeia e foge em um homem. O que ela não imaginava era que Cleo fosse “engravidar” de Cão, o gato de rua de Jack. Agora os dois terão que dar conta da responsabilidade e, a partir dessa convivência, a vida dos dois tomará rumos totalmente diferentes do esperado.

Talvez um dia ela se lembrasse do casamento sem sentir aquela dor esmagadora. Ele prometeu amá-la e respeitá-la, e então anunciou, calmamente, em uma tarde de domingo, sem aviso prévio, que a estava deixando para ficar com outra pessoa. p. 10
Clichê. Essa é a palavra ideal para definir o delicioso O amor mora ao lado. Mas quem disse que isso é ruim? Esse foi exatamente o propósito de Debbie Macomber ao escrevê-lo: mostrar uma situação cômica que gera efeitos esperados e ainda é arrematado por um romance bem óbvio. E para falar a verdade, quem não se diverte com uma comédia romântica? É uma temática que consegue agradar uma grande parte dos leitores.

Isso tudo se torna ainda melhor com a narrativa bem direta que a autora emprega. Para um livro de 160 páginas, não havia espaço para a autora enrolar, logo tudo acontece em um fluxo contínuo até o fim, com capítulos relativamente curtos. Ao terminar o livro, parece que acabamos de ler um conto, por causa do enredo fluido. Os personagens são grandes responsáveis por isso: boa parte das cenas envolvendo os protagonistas são cômicas, o que ajuda e muito na fluidez apesar de não haver uma conexão maior com eles.

Quanto mais o analisava, mais se sentia atraída por ele, o que não fazia sentido algum. Ela parecia alguém em uma dieta restrita, totalmente seduzida por uma bandeja de sobremesa. p. 23
Mas vamos falar da parte gráfica do livro: a capa e a contra-capa que se completam ficou incrível e resume muito bem o enredo. Além da diagramação interna, que não tinha como ficar mais fofa, como dá para ver na foto abaixo:


Não esperem nada surpreendente. É um livro em que tudo o que você acha que pode acontecer, vai acontecer. Mas essa é a parte gostosa de O amor mora ao lado: é aquele tipo de história que você vai ler milhares de vezes e nunca vai se cansar porque elas continuam divertidas e deliciosas de serem lidas. É especialmente recomendado para aquela tarde em que você não tem o que fazer e quer algo bem leve. Vale a pena dar uma chance.  

21 comentários:

  1. Eu to doida pra ler O Amor Mora ao Lado, já até comprei o ebook dele.
    Adoro esses romances mais leves, simples. É tao gostoso de ler!
    Nem ligo pro clichê, porque às vezes funciona super bem... e parece que esse é um caso!

    Sou apaixonada por gatinhos, então to in love pela parte gráfica do livro... agora quero comprar o físico poxa! hahahaha

    Beijos.
    http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ah eu tenho vontade de ler. Adoro um clichêzinho. hehehe
    Preciso dizer... eu AMEI essa menininha, essa mini Luara no cabeçalho!
    Que coisa mais fofa! Parabéns!
    Beijo
    Blog: Sem Spoiler

    ResponderExcluir
  3. Eu já disse no twitter, só não sei se você leu... EU PRECISO LER ESSE LIVRO!
    Por mais clichê que seja, a cada resenha que leio mais eu quero esse livro pra mim! Ele tem tudo que eu gosto. Sim, sou dessas maníacas por romances que não tenham praticamente quase nada no ar pra encaixar no final. :x
    Eu fico feliz que você gostou do livro, Lu. Fico tão chateada quando meus amores não curtem os livros que eu quase paguei milhões pra vivê-los. .-.
    Os gatinhos em cada capítulo são a cereja do bolo, né? Também gostei de saber que no fim tem receitas petiscos pra gatos.
    Vou lá! Beijinhos e miaaaaaaaaaaau! :p

    ResponderExcluir
  4. Oi Lu, esse livro é delicioso mesmo..
    Eu adorei as receitas no final do livro e achei que a autora poderia ter nos presenteado com um final mais prolongado..
    adorei sua resenha!!

    Beijos Mila

    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Faço minhas as suas palavras Lu,
    É realmente um livro bem leve e a leitura é agradável por demais.
    Senti que fluiu rápido demais porque meu sonho era que o livro tivesse mais páginas! rsrsrsrs

    xoxo
    Camila Márcia
    @camila_marcia
    De Livro em Livro
    Devaneios Fugazes

    ResponderExcluir
  6. Oi flor!

    O livro parece muito fofinho e leve, daquele tipo que você lê em uma sentada. Mas no momento não estou tendo paciência pra esses romances, estou numa época dos suspenses, aventuras... Enfim, o nome tá anotado aqui pra quando essa fase passar!

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Parece ser um livro leve e fofo >.< Vou tentar pegar emprestado
    http://livros-e-nutella.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. eu fiquei pensando: como gato engravida de cachorro? depois que me toquei que Cão é o nome do gato de Jack hahahahahahahaa
    é clichê? eu adoro!!! :P
    parece ser um livro leve e fofo... gosto de livros assim :D

    ResponderExcluir
  9. Eu li, e mesmo sendo uma leitura leve e clichê, não me identifiquei. Tudo bem que esse era o propósito da autora, mas o livro é muito superficial, e acredito que funcionaria mais nos cinemas do que na literatura. Talvez o público feminino se identifique mais, mas eu tinha grandes expectativas para a história, e elas não foram alcançadas :/

    Abraços
    - pensamentosdojoshua.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joshua, realmente, esse livro ficaria melhor nos cinemas até porque ele tem a pegada da maioria das comédias românticas norte americanas.
      Acho que o grande problema foi você ter grandes expectativas. :( Eu já sabia que não ir ter algo que iria mudar minha vida e foi bem gostosinho.

      Excluir
  10. Oi, Luara!

    Realmente, é um livro para ler sem grandes expectativas. Vou confessar que, depois de ler "A Pousada Rose Harbor" e adorar o livro, fiquei meio decepcionada com "O Amor mora ao lado". Só depois descobri que esse livrinho é um trabalho mais antiguinho da autora, que ela escreveu no começo de sua carreira.

    De qualquer forma, o enredo é gostoso. Dá para ler bem rapidinho mesmo!

    Beijos,
    Inara
    www.lerdormircomer.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu li esse livro bem rapidinho, realmente não é um livro surpreendente, mas para passar o tempo é ótimo!

    Beijos, Paradoxo Perfeito

    ResponderExcluir
  12. Esse livro percebi que é leve e bobinho, mas ao mesmo tempo cativante.
    Não sou muito fã de gatos, mas tudo bem... rs


    Beijos,
    www.livrosqueinspiram.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Eu confesso que adoro clichês. Pra mim se for bem escrito e tiver personagens cativantes, então não vejo motivo para evitar clichês.
    Já li algumas resenhas desse livro e todas falam da simplicidade de O Amor Mora Ao Lado.
    Já adicionei na minha wishlist.

    Beijão
    Sun Rises Here

    ResponderExcluir
  14. Livros bobinhos e despretenciosos são ótimos pra relaxar =)

    ResponderExcluir
  15. Estou cada vez mais ansiosa para ler esse livro, eu também amo romances clichês filmes, livros, sempre me agradam. Achei a trama deste deliciosa, e deve ser muito engraçada essa confusão dos gatinhos.

    Abraços, Raquel.
    http://viajandoclivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Não senti muita vontade de ler o livro, não, por que não sou super chegada em romances. Mas como o livro é pequeno e tem essa diagramação fofa, talvez eu tente :3 parece ser legalzinho, afinal!

    Beijos!
    www.nathlambert.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Já tinha lido uma resenha não tão boa sobre o livro e agora fiquei em dúvida. Por mais que eu não goste muito de clichês, é um livro bem curto para reclamar - parece ser um daqueles para ler e descansar das leituras do momento! E além disso, tem gatos <3 Quem sabe não posso ler no futuro hmm!

    ResponderExcluir
  18. Oi
    Terminei de ler esse livro esses dias e achei ele bem fofo, o casal é bem legal e os gatinhos também :D
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  19. Oi Lu, eu adorei O amor mora ao lado exatamente pelos mesmos motivos que você. É clichê, mas tem uma narrativa tão gostosa que não dá para não ficar com o coração molinho.

    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Nao estou tãão animada assim para le esse livro, ele me parece ser bom de se ler e tem um enredo legal, daqui um tempo eu o leio.



    xx

    ResponderExcluir