30/07/2014

Resenha: Princesa Adormecida

Título: Princesa Adormecida
Autora: Paula Pimenta
Editora: Galera Record

Páginas: 192
Era uma vez uma princesa... Você já deve ter ouvido essa introdução algumas vezes, nas histórias que amava quando criança. Mas essa princesa sou eu. Quer dizer, é assim que eu fiquei conhecida. Só que minha vida não é nada romântica como são os contos de fada. Muito pelo contrário. Reinos distantes? Linhagem real? Sequestro? Uma bruxa vingativa? Para mim isso tudo só existia nos livros. Meu cotidiano era normal. Tá, quase normal. Vivia com meus (superprotetores) tios, era boa aluna, tinha grandes amigas. Até que de uma hora pra outra, tudo mudou. Imagina acordar um dia e descobrir que o mundo que você achava que era real, nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida. Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única. Eu não conheço a sua história, mas a minha é mais ou menos assim... 

Finalmente li algo da famosíssima Paula Pimenta! Muitos de vocês provavelmente são fãs da autora, mas, até então, não tinha tido a oportunidade de ler nada dela (leia-se: o preço das outras séries da autora é exorbitante!). Eis que Princesa Adormecida é lançado e eu vejo várias e várias críticas negativas a respeito dele. Imaginem como a minha expectativa afundou depois dessa, não é mesmo? Porém, resolvi arriscar mesmo assim, afinal, vai que... E não é que eu me surpreendi? Não é um dos melhores livros que já li, mas com certeza foi uma leitura muito gostosa.

Imagine acordar e descobrir que o mundo que você achava que era real nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar,  percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida.
Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única. p. 9
Uma releitura sempre é um risco. Como já aconteceram com outros livros que já li, o risco de um autor se perder é enorme e os fãs do dito conto em questão ganham uma tremenda de uma decepção. Felizmente, Paula Pimenta tomou o risco para si e nos apresentou uma releitura de A Bela Adormecida, um conto que eu ainda não tinha tido a oportunidade de ver nessas novas versões. O fato é que, à primeira vista, me pareceu que de releitura aquilo não tinha nada, afinal, a única coisa parecida com o conto original era o nome da protagonista: Áurea. Sim, tínhamos aquele fundo de família real, mas de restante, era uma história totalmente diferente.

Isso me levou a uma pequena decepção no começo, afinal, é muito complicado esperarmos uma coisa e encontrarmos algo totalmente diferente. Porém, com a narrativa fluida da autora e à medida que o enredo foi se desenrolando, a história começou a me envolver e eu comecei a torcer pela protagonista, afinal, é um daqueles clichês que todo mundo gosta de ler de vez em quando: uma garota, romance, adversidades. Ou seja, não esperar por algo original é um dos fatores que te vão te levar a ter uma boa leitura, porque tudo é bem previsível, ainda mais se você já leu muitos livros do estilo. Por causa disso, aos poucos eu fui deixando a ideia de que era uma releitura de lado e foquei mais no enredo que era apresentado.

Aos poucos fui conquistada pela saga de Áurea (ou Rosa, como ela vem a se chamar durante um período do enredo). Mas vou ser sincera: eu não me afeiçoei muito a ela. Com uma narrativa em primeira pessoa, aquelas típicas atitudes de adolescente impulsiva ficam ainda mais evidentes (o que eu até entendi dentro da história), mas isso não me desce mais. Acho que acabei enjoando de tantas personagens com as mesmas características em livros – hoje eu prefiro aquelas protagonistas mais expressivas. Porém os personagens secundários são marcantes e fazem valer a pena, assim como o romance. É tão fofo! É bem estilo “príncipe encantado”, mas faz sentido, não é mesmo?

- Cai na real, Anna Rosa! Sua família realmente estragou você com essa superproteção! De tanto viver enclausurada, você criou um mundo paralelo na sua imaginação e acha que a vida é um livro de princesas. Pois saiba que a realidade é diferente. Não existem príncipes destinados para nós desde o nascimento, nem bruxas malvadas, muito menos fadinhas para realizarem nossos sonhos. Na vida real, são os amigos que nos ajudam a conseguir o que queremos, Que nos dão força. Que salvam nossa pele nas épocas difíceis. É uma pena que você não saiba disso. p. 72
A boa notícia é que no final das contas eu entendi toda a releitura! Todos os elementos do conto original estão ali e eu fiquei maravilhada com a forma que a Paula Pimenta desenvolveu o seu enredo. Como eu disse, não é um livro de altas surpresas e nem daqueles que vão entrar para os favoritos, mas foi uma leitura tão gostosa que li em um só dia. Além disso, não dá para negar que a capa do livro é linda, não é mesmo? Juntamente com a gramatura alta das páginas (são tão grossinhas que parece até papel cartão), fizeram do livro um espetáculo. Tenha baixas expectativas e se jogue. É uma ótima diversão. 

19 comentários:

  1. Oi, Lu! Releitura de clássicos são sempre contraditórios, uns são ótimas releituras, algumas decepcionam. Como você disse, a saga Encantadas foi uma de altos e baixos, mas que tem um saldo agradável. Paula Pimenta é super aclamada no Brasil com seus livros, e essa capa ficou digna. A premissa foi algo interessante, gostei desse negócio de sonhos e tudo mais. Que bom que foi uma leitura válida, ein?

    Italo.

    ResponderExcluir
  2. também não li nada da autora ainda, e pelo mesmo motivo que você! hahahaa
    adoro releituras, e estou bem curiosa para ler este livro dela.
    já vi várias resenhas negativas dele, e apesar de ter ficado um pouco decepcionada, ainda estou com vontade de ler ;D

    ResponderExcluir
  3. Oi Lu!

    Então, eu nunca consegui me interessar pela autora... Sempre achei as temáticas dos livros dela muito adolescentes e "mais do mesmo", por isso nunca me arrisquei. Quando vi o lançamento de Princesa Adormecida até senti vontade de ler (confesso: mais pela capa hah) acreditando que seria algo diferente, mas pelo visto não é, né?!

    É uma pena, eu adoraria saber o porquê de tantas pessoas gostarem dos livros dela, mas esse estilo realmente não me agrada.

    Beijos!
    http://poesiadestilada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Estou bem curiosa com esse livro, mesmo todo mundo dizendo que o livro não é lá grandes coisas.Eu adoro releituras e quero muito ler essa. Mas vou seguir seu conselho e baixar minhas expectativas e me jogar! E tenho que concordar com você, a capa é realmente muito linda. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu
    Nunca li nada da autora, não só por achar os preços dos seus livros exorbitantes, mas por pura falta de interesse mesmo. "Princesa Adormecida" foi mais um enredo que não me cativou, admito que sou um pouco chata com esse negócio de releitura de coisas clássicas (e boa parte dessa falta de interesse pela história veio daí)... Mas enfim, a capa do livro pelo menos é linda né hahaha

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Ola.. Li esse livro recentemente e fico feliz q tenha aproveitado bem mais a leitura do que eu..
    Concordo q os elementos originais estavam no livro porém Aurea tem uma personalidade q nao me agrada muito... Enfim, expliquei na resenha que postei ha pouco tempo..
    Leia fazendo meu filme.. Vc deve gostar!
    http://foreverabookaholic.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Lu!
    Tudo bom? :D
    Assim como você, eu vi muitas resenhas negativas, e isso me desanimou também rs. Eu nunca tive muita vontade em ler os livros da Paula, o que mais me chamou a atenção foi esse, mas ainda não decidi se vou ou não ler haha.
    Ótima resenha!

    Gabriel - umpapoentrepaginas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Li opiniões divergentes sobre esse livro, mas como gosto de releituras e também nunca li nada da autora, tenho curiosidade de conhecer sua trama.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Lu!

    Já solicitei o meu exemplar de Princesa Adormecida e estou esperando que ele chegue aqui em casa, junto com os meus livrinhos da Galera Record. ♥

    Eu gosto bastante do estilo dinâmico que a escrita da Paula tem, mas às vezes ela comete umas falhas durante o desenvolvimento da história, o que me irrita quando acontece. Relevo porque curto essas histórias fofinhas e porque no fundo, nenhum livro é perfeito.

    Beijão,

    Natalia Leal
    Páginas Encantadas
    http://www.paginas-encantadas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. adoro o trabalho da Paula e ainda mais esses recontos que me deixam fascinada porque as histórias são antigas, da época de criança, mas que prendem a atenção do começo ao fim
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oie...
    Ainda não conheço o trabalho da autora, mas não escolheria este livro para fazê-lo. Não gosto de contos de fadas e por isso o livro não me interessou, mas a trama do livro parece ser bem elaborada e para quem gosta, uma ótima leitura.

    ResponderExcluir
  12. Eu já li alguns livros da Paula Pimenta, mas esse eu não tenho interesse, mas convenhamos, ela escreve MUITO bem!

    http://amordelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oii
    Apesar de ser um livro excepcional, ele é muito amor! Amo releituras de clássicos! Ganhei ele num sorteio e não vejo a hora de lê-lo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Oi Lu, a Paula Pimenta escreve maravilhosamente bem. Li poucos livros, mas foram suficientes para eu adorar. Confesso que não fiquei muito empolgada para ler esse, depois de todas as resenhas e comentários negativos que li ou ouvi, mas principalmente, por sempre ficar receosa quando o assunto é releitura.
    Aliás, assim como você, não tenho mais uma gota de paciência com personagens desse tipo.
    Amei sua resenha. :)

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Oi Luara!

    Meu livro finalmente ficou pronto! vc aceita epub para fazer resenha?

    abraços

    Priscilla Tôrres

    ResponderExcluir
  17. Oi Luara!
    Estou com esse livro na estante pra ler também, está na fila! rs! Também não li nada ainda da Paula Pimenta, pela sua resenha parece bom! Quando eu ler comento de novo aqui no seu blog!
    Bjo!
    Karen
    www.bookadvisor.com.br

    ResponderExcluir
  18. Amei a resenha! Eu nunca li nada da Paula Pimenta. Como esse foi o primeiro dela que você leu e gostou, acho que vou começar por aí também.
    Beijo!
    Eduarda, do Maquiada na Livraria.

    ResponderExcluir
  19. Olá Luara,
    Adorei a sua resenha.
    Li esse livro no mês passado e me surpreendi muito, sabia que era uma releitura, mas fui ler sem nenhum interesse de encontrar algo bem similar com Bela Adormecida e não é que me surpreendi? A leitura fluiu muito bem e foi delicioso ler esse livro, ver o romance acontecer e torcer para que tudo desse certo para a Áurea foi muito legal, mas o melhor, em minha opinião, foi o final que faz tudo encaixar na história da Bela Adormecida :)
    Adorei a sua resenha, parabéns.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir