25/03/2015

E ela ataca novamente: a tal da ressaca literária

Eis que o ano finalmente começou para mim: as aulas na faculdade voltaram, voltei para as terras cariocas e parece que o trem está andando mais rápido do que costumava. Eis que a tal rotina voltou e se atirou nos meus braços. Só que, exatamente por causa disso, estou naquele momento em que não consigo escrever nada descente para o blog (meus rascunhos de resenhas no Word não me deixam mentir) e nenhum livro está conseguindo me prender. Estou entrando em desespero.


Sim, minha gente, a tal ressaca literária chegou e ela está me dizendo you shall not pass toda vez que eu tento fazer alguma coisa para pará-la. 
Enquanto isso, a vida (e principalmente a faculdade) segue sugando a minha energia vital que nem os dementadores fizeram com Sirius Black em Harry Potter e o Prisioneiro de Askaban. Só que, no meu caso, parece que não há ninguém para lançar o Expectum Patronum e me salvar do meu fatídico destino.

A única coisa a se fazer é esperar. Tenho certeza que ainda por esses dias vou encontrar a luz no fim do túnel. Mas, é como já dizem: toda dor precisa ser sentida. E parece que a ressaca literária também.

04/03/2015

O que eu li em fevereiro



  • Este é um livro sobre amor: um dos livros mais lindos que eu li em 2015. O título não poderia traduzir melhor sobre o que é esse livro: o amor, de uma forma pura e crua, desnudado através dos olhos de uma pessoa que transforma todas as experiências em poesia. Uma edição super caprichada da Editora Guarda-Chuva. No domingo coloquei um trechinho do livro no instagram ou na página do blog no Facebook.
  • Sem Esperança: já dá pra dizer que gostei mais desse livro do que de Um Caso Perdido? Para quem não sabe, essa é a visão do Holder da história e não uma continuação propriamente dita. E não tenho como negar: se eu já era apaixonada pelo Holder antes desse livro, agora estou ainda mais (nem sabia que isso era possível!). Muito amor! <3
  • Não Olhe Para Trás: esse é um daquele livros que eu me pergunto até agora POR QUE eu não li assim que foi lançado. É fantástico! Me envolvi tanto que, sempre que parava de ler, me batia uma ansiedade para saber o que ia acontecer a seguir e eu era obrigada a voltar para a leitura. Em breve vai ter resenha aqui no blog. :)

Foram poucos livros lidos em fevereiro (situação que pretendo mudar em março), mas foram leituras incríveis! E vocês? Quantos livros leram em fevereiro? Já leram algum desses?